Covid-19 Sorocaba e Região

Sem pacientes, Hospital de Campanha começa a ser desmontado

Último paciente internado com Covid-19 foi transferido para a Santa Casa
Hospital de Campanha começa a ser desmontado em Sorocaba. Crédito da Foto: Vinícius Fonseca (08/10/2020)

Atualizada às 11h39

A Prefeitura de Sorocaba começou a desmontar o Hospital de Campanha “Douglas Barbosa de Medeiros” na manhã desta quinta-feira (8). A estrutura montada na Arena Multiúso para atender exclusivamente casos de Covid-19 será desativada até o dia 15 de outubro.

Durante a manhã, o único paciente que estava internado no local foi transferido para um leito na Santa Casa de Misericórdia. Logo em seguida, os funcionários começaram a limpeza dos equipamentos, que também estão sendo desmontados.

O hospital de campanha foi montado na Arena Multiúso, no km 106 da rodovia Raposo Tavares. A estrutura recebeu o primeiro paciente um dia depois do início das atividades. O hospital foi criado para atender os casos mais leves de Covid-19 e, assim, desafogar os leitos de enfermaria da Santa Casa e da Unidade Pré-Hospitalar da Zona Leste.

Hospital começou a ser desmontado após transferência de último paciente. Crédito da Foto: Vinícius Fonseca (08/10/2020)

O hospital de campanha chegou a ter 75 leitos clínicos, mas, em agosto, o Cruzeiro do Sul noticiou a redução de 20% nesse número. Na ocasião, a secretaria justificou a diminuição por conta da redução de demanda e destacou, ainda, que o número poderia aumentar novamente, caso as internações subissem.

Desativação gradual

A portaria prevendo a desmobilização da  foi publicada nesta quarta-feira (7) no Jornal do Município, da Prefeitura de Sorocaba.

A decisão leva em conta a redução, nos últimos 30 dias, de cerca de 50% no número de novas internações por síndrome respiratória na cidade. Dos 60 leitos clínicos, apenas um estava ocupado na noite desta quarta-feira (7), de acordo com o último balanço divulgado pela Secretaria da Saúde.

De acordo com a portaria, a estrutura deve encerrar as atividades de forma gradativa até o dia 15 de outubro. Os servidores públicos removidos temporariamente para atuar no Hospital de Campanha retornarão para as unidades de origem.

Terceira prorrogação

O contrato com a empresa contratada para a montagem e manutenção do hospital de campanha instalado na Arena Multiúso foi prorrogado três vezes desde que o hospital começou a funcionar na cidade. A mais recente foi publicado no Portal da Transparência no dia 14 de setembro, prevendo a extensão do contrato com Zaramella & Zaramella Comércio e Serviços Ltda até o dia 30 de setembro.  O valor deste contrato, assinado em 28 de agosto, foi de R$ 232,8 mil.

A prorrogação anterior aconteceu em 31 de julho, pelo período até 30 de agosto e valor da prorrogação foi de R$ 225 mil. Já a primeira extensão do contrato ocorreu em até 31 de julho. O valor dessa prorrogação foi de R$ 450,7 mil. O prazo foi de 60 dias. O período inicial de duração, assinado em 3 de abril, era de 60 dias. O custo inicial era de R$ 841,25 mil. O Portal da Transparência da Prefeitura de Sorocaba ainda informa um aditivo de R$ 46.266,00 sobre o primeiro contrato.  (Jomar Bellini)

Estrutura foi montada na Arena Multiúso. Crédito da Foto: Vinícius Fonseca (08/10/2020)
Comentários