Sorocaba e Região

Defesa de Crespo apresenta alegações finais à Comissão Processante da Câmara

O prefeito de Sorocaba é investigado por suposta infração político-administrativa no caso do voluntariado
O prefeito José Crespo e seu advogado, Márcio Leme, Foto: Emídio Marques (18/06/2019)

A defesa do prefeito José Crespo (DEM) apresentou nesta segunda-feira (29) as alegações finais à Comissão Processante que investiga o chefe do Executivo na Câmara por suposta infração político-administrativa devido à atuação da ex-servidora comissionada Tatiane Polis. O prazo era até as 16h59 e a peça de defesa foi protocolada às 16h40.

Leia mais  Crespo prestará depoimento à Comissão Processante da Câmara em sua casa

 

O prazo começou a contar na última terça-feira (23), um dia depois de Crespo ser ouvido em sua casa pelos vereadores que integram a comissão. Na ocasião, o prefeito negou qualquer irregularidade no voluntariado da ex-assessora. Todo o depoimento durou cerca de 50 minutos.

De acordo com o advogado Márcio Leme, as alegações estão em 79 páginas. Também foram protocolados cópia do inquérito policial que investigou o voluntariado de Tatiane Polis na Prefeitura de Sorocaba. O documento tem mais de 200 páginas.

À imprensa, o advogado também disse que ainda estuda a situação, mas que pretende pedir a leitura integral de toda a documentação da Comissão, incluindo os apresentados nesta segunda-feira (29). Se houver deferimento do pedido da defesa de Crespo para que todos os vídeos das oitivas coletadas ao longo dos trabalhos da Comissão Processante, mais a leitura integral da peça, sejam exibidas e lidas durante a sessão, ela deverá ser a mais longa da história da Câmara de Sorocaba.

Leme também afirmou que o prefeito José Crespo ainda não definiu se irá ou não à sessão de julgamento na Câmara. Após a apresentação das alegações finais, a Comissão Processante deve concluir o relatório final até quarta-feira (31). A data para o julgamento do caso, no plenário, ainda não está definida, mas a previsão é que ocorra até 4 de agosto. (Marcel Scinocca)

Comentários

CLASSICRUZEIRO