Buscar no Cruzeiro

Buscar

Acervo

'Vocês estão f* se não tiver competição', dispara presidente da CBF

23 de Março de 2021

Rogério Caboclo, presidente da CBF, em premiação do Brasileirão 2020. Crédito da foto: Thais Magalhães/CBF

Depois de novos capítulos envolvendo o futebol paulista na última segunda-feira (22), um vídeo de Rogério Caboclo, presidente da CBF, usando tom agressivo e pedindo a manutenção do calendário esportivo caiu na internet.

O material em questão foi divulgado pelo jornal 'O Dia' nesta manhã (23) e seria de uma reunião virtual com clubes brasileiros no último dia 10 de março. Nele, aparecem diversos presidentes de times, como Mauricio Galiotte (Palmeiras), Duílio Monteiro (Corinthians) e Rodolffo Landim (Flamengo). Em determinado momento, Caboclo dispara:

"Eu não abrirei mão (...). Nós podemos parar o futebol? A Rede Globo não quer, eu tenho a segurança que não. Ninguém quer. Seus patrocinadores não querem. E se parar, sabe quando nós temos a segurança de dizer que a gente pode voltar? Nunca. Num dia que o governador do Maurício, que um ministro disser que pode, no dia que o prefeito de São Nunca disser que pode. Eu não vou estar à mercê de nenhum deles", iniciou o mandatário, que complementou:

"Eu vou, Landim, Galiotte, todos os presidentes, eu vou mudar o futebol brasileiro e vou determinar que vai ter competição. Porque vocês estão fod**** se não tiver (competição). Eu assumo o ônus de todos vocês".

Galiotte pediu, então, para o assunto ser abordado em outro momento, o que foi refutado. Já o mandatário do Avaí, Francisco Battistotti, parabenizou Caboclo pelo posicionamento. Por fim, o presidente da CBF questionou se algum clube seria a favor da paralisação do futebol, mas ninguém se manifestou.

O Brasil vive o pior momento da pandemia, com quase 295,5 mil mortes causadas pela Covid-19, além de mais de 12 milhões de casos. São recordes e mais recordes quebrados diariamente, além de leitos de UTI quase 100% ocupados país afora.

Ontem (22), a Federação Paulista de Futebol (FPF) acatou o pedido do Governo de São Paulo e suspendeu o Campeonato Paulista até o dia 30 de março. No entanto, hoje (23), o jogo entre Mirassol e Corinthians acontecerá em Volta Redonda, às 21h, enquanto o duelo entre São Bento e Palmeiras foi confirmado para amanhã (24), no mesmo local. (Da Redação)