Esporte

‘Vocês estão f* se não tiver competição’, dispara presidente da CBF

Reunião com clubes brasileiros aconteceu no último dia 10 de março
Rogério Caboclo, presidente da CBF, em premiação do Brasileirão 2020. Crédito da foto: Thais Magalhães/CBF

Depois de novos capítulos envolvendo o futebol paulista na última segunda-feira (22), um vídeo de Rogério Caboclo, presidente da CBF, usando tom agressivo e pedindo a manutenção do calendário esportivo caiu na internet.

O material em questão foi divulgado pelo jornal ‘O Dia’ nesta manhã (23) e seria de uma reunião virtual com clubes brasileiros no último dia 10 de março. Nele, aparecem diversos presidentes de times, como Mauricio Galiotte (Palmeiras), Duílio Monteiro (Corinthians) e Rodolffo Landim (Flamengo). Em determinado momento, Caboclo dispara:

“Eu não abrirei mão (…). Nós podemos parar o futebol? A Rede Globo não quer, eu tenho a segurança que não. Ninguém quer. Seus patrocinadores não querem. E se parar, sabe quando nós temos a segurança de dizer que a gente pode voltar? Nunca. Num dia que o governador do Maurício, que um ministro disser que pode, no dia que o prefeito de São Nunca disser que pode. Eu não vou estar à mercê de nenhum deles”, iniciou o mandatário, que complementou:

Leia mais  Sorocaba confirma mais 525 casos de Covid-19 neste domingo

“Eu vou, Landim, Galiotte, todos os presidentes, eu vou mudar o futebol brasileiro e vou determinar que vai ter competição. Porque vocês estão fod**** se não tiver (competição). Eu assumo o ônus de todos vocês”.

Galiotte pediu, então, para o assunto ser abordado em outro momento, o que foi refutado. Já o mandatário do Avaí, Francisco Battistotti, parabenizou Caboclo pelo posicionamento. Por fim, o presidente da CBF questionou se algum clube seria a favor da paralisação do futebol, mas ninguém se manifestou.

O Brasil vive o pior momento da pandemia, com quase 295,5 mil mortes causadas pela Covid-19, além de mais de 12 milhões de casos. São recordes e mais recordes quebrados diariamente, além de leitos de UTI quase 100% ocupados país afora.

Ontem (22), a Federação Paulista de Futebol (FPF) acatou o pedido do Governo de São Paulo e suspendeu o Campeonato Paulista até o dia 30 de março. No entanto, hoje (23), o jogo entre Mirassol e Corinthians acontecerá em Volta Redonda, às 21h, enquanto o duelo entre São Bento e Palmeiras foi confirmado para amanhã (24), no mesmo local. (Da Redação)

Comentários