fbpx
São Bento

Técnico Milton Mendes pede demissão do São Bento

Ele deixa o Azulão na lanterna do Campeonato Brasileiro da Série B, com 29 pontos
Desempenho do São Bento na estreia agrada ao novo técnico
Milton Mendes, ex-técnico do São Bento. Crédito da foto: Fábio Rogério/Arquivo JCS (6/9/2019)

O técnico Milton Mendes pediu demissão do São Bento na noite deste sábado (2), depois do empate por 1 a 1 com o Criciúma, em Santa Catarina.

Ele deixa o Azulão na lanterna do Campeonato Brasileiro da Série B, com 29 pontos, faltando seis rodadas para o término da competição.

Leia mais  São Bento cede empate ao Criciúma e continua na lanterna da Série B

 

Milton Mendes chegou ao São Bento no dia 2 de setembro e comandou a equipe em 12 partidas: conquistou duas vitórias, quatro empates e seis derrotas.

Em entrevista coletiva após o jogo, o treinador afirmou que deixa a equipe por força de um problema de saúde de sua mulher.

Assédio sexual

Também neste sábado (2), foi divulgada a notícia de que Milton Mendes foi acusado por uma funcionária do hotel em que residia, em Sorocaba, de assédio sexual.

O boletim de ocorrência (BO) foi registrado na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).

A informação foi noticiada pela TV Tem e pelo site globoesporte.com. O Jornal Cruzeiro do Sul confirmou a existência do boletim de ocorrência, mas a imprensa não teve acesso ao documento.

Sobre isso, na mesma coletiva, Milton Mendes negou a acusação, se disse “extremamente aborrecido” e afirmou que não medirá esforços para provar a verdade. Mas ele negou que o pedido de demissão tivesse relação com a denúncia.

Em nota oficial, o São Bento informou que a equipe será comandada pelos auxiliares Luizinho Rangel e Marcelo Cordeiro. (Da Redação)

Comentários

CLASSICRUZEIRO