Mix

Dicas para administrar melhor seu dinheiro

Diante das constantes mudanças econômicas, sabemos o quanto é importante poder contar com uma reserva emergencial quando surge um imprevisto financeiro. Por isso, reunimos aqui algumas dicas que poderão ajudar você a administrar melhor seu dinheiro e investi-lo com mais sabedoria.

Evite gastar demais

Certamente, gastar mais do que realmente se ganha é um dos erros mais comuns que podemos cometer. É importante, entretanto, descobrir as razões que nos levam a ter esse tipo de comportamento. Talvez isso ocorra por conta de preocupações relativas a dívidas, o que acaba impedindo que novas ideias e soluções sejam vislumbradas. Generosidade e comodidade em excesso também podem ser dois fatores que intensificam esse tipo de comportamento. E, ainda, sentir um grande prazer em gastar também pode ser a causa desse problema. As razões podem ser inúmeras, portanto é importante descobrir quais são as suas. Dessa forma, você poderá começar a economizar e planejar seu futuro financeiro.

Economize e planeje

Após a realização de uma análise detalhada das finanças pessoais, o próximo passo é se planejar. Estude sua situação atual e decida como gostaria que ela fosse daqui a alguns anos. Veja quais atitudes precisam ser tomadas para que você alcance seus objetivos e procure, após o cumprimento dos seus compromissos financeiros, separar uma quantia mensal ao final de cada mês.
Estabelecer objetivos a curto, médio e longo prazo também é um ponto que pode auxiliar você a reestruturar sua vida financeira. As metas a curto prazo podem ser suas próximas férias, seu fundo de emergência ou um item da sua lista de desejos. A médio prazo, considere a compra de um carro novo, a parcela de entrada para uma casa nova ou a educação dos filhos. A longo prazo, que tal programar uma confortável aposentadoria?

Leia mais  Saiba como descartar o lixo doméstico em tempos de pandemia

Sane suas dívidas

Vale a pena também comentar a respeito das dívidas e, para tal, é preciso notar que elas podem ser divididas em dois tipos: as boas e as más. As boas dívidas se referem aos financiamentos a longo prazo, como a compra de um imóvel ou um empréstimo para começar um negócio. Essas dívidas se referem a bens que poderão ser valorizados ao longo dos anos. Já as dívidas ruins são aquelas que são acumuladas, principalmente no cartão de crédito, e que não estão relacionadas a algo imprescindível. Dívidas referentes a viagens, roupas, eletrônicos, mobília, etc. devem ser evitadas.

Uma dica para eliminar seu débito no cartão de crédito é comprometer-se a não mais utilizá-lo até quitar a dívida já contraída. Procure eliminar aos poucos as dívidas já feitas, pagando sempre além da quantia mínima por mês. Ao pagar somente o valor mínimo, você ainda estará acumulando juros no seu saldo, que são transferidos mês a mês. Outra dica é tratar seu cartão de crédito como cartão de débito e pagar a dívida assim que possível para evitar que ela se acumule.

Leia mais  Facebook reforça segurança do Messenger

Aumente sua receita

Após se organizar e sanar as dívidas, você provavelmente conseguirá economizar e colocar suas finanças pessoais em ordem. Com isso, é provável que queira começar a investir para aumentar sua renda. Para os investidores mais conservadores é aconselhável o uso da conta poupança ou do fundo de renda fixa. Para os mais ousados, há as opções mais arriscadas, que são, no entanto, mais lucrativas. Ao considerar, por exemplo, realizar investimentos em produtos mais voláteis, como alguns tipos de ações e commodities e certas unidades de valor monetário virtuais, como o Bitcoin, comprar moedas e investir em diferentes mercados pode ser uma boa opção, mas sempre levando em conta o seu perfil. Segundo especialistas, o Bitcoin, após ter passado recentemente por seu halving,  já é considerado o novo ouro para novos investimentos.

Diversifique

Diversificar é a forma de gerenciar seus riscos ao distribuir seu capital em múltiplos investimentos em seu portfólio. Dessa forma, você permitirá que os investimentos lucrativos neutralizem os não tão lucrativos assim. Se você colocar todo o seu dinheiro em um único tipo de investimento, como um único tipo de ação, o valor pode cair quando menos se espera. Por isso, busque sempre investimentos rentáveis para que o seu dinheiro trabalhe por você.

Leia mais  Em meio à pandemia, vídeo de festa em piscina nos EUA viraliza

Ao seguir essas dicas, você irá perceber que é possível economizar, sem precisar fazer grandes sacrifícios. Aos poucos, irá conseguir ter o controle das suas finanças pessoais e gastar o seu dinheiro apenas com o que faz você feliz.

Comentários