Sorocaba e Região

Hospital municipal de Sorocaba será erguido em área do antigo Matadouro

Antiga garagem da TCS, na avenida Ipanema, foi descartada como local para a unidade de saúde
Prefeitura define nova área para hospital
Local pertence ao município e é onde está o antigo matadouro. Crédito da foto: Fábio Rogério (31/7/2020)

A Prefeitura de Sorocaba definiu a área do antigo matadouro municipal como local para a construção do hospital municipal. É o terceiro local definido pelo Poder Público desde 2012, quando a construção da unidade de saúde passou a fazer parte da agenda eleitoral dos candidatos ao Paço. Antes da escolha, o local era a antiga garagem da TCS, na avenida Ipanema, zona norte.

A reportagem teve acesso à ata de reunião do Conselho Municipal de Saúde (CMS), bem como ao documento onde o secretário de Governo de Sorocaba, José Marcos Gomes Júnior, pede à Secretaria de Saúde (SES), que providencie, com urgência, a manifestação do Conselho Municipal de Saúde sobre a mudança.

No documento, de 7 de julho, Junior, além de explicar sobre o processo de compra do imóvel da TCS, afirma que “há de se reconhecer, contudo, que a oitiva do Conselho Municipal de Saúde é medida que se impõe”, ou seja, deve ocorrer de forma obrigatória.

A reunião ocorreu 13 dias depois do pedido do secretário e na ata há detalhes sobre a mudança: “Assim, a atual área na avenida Ipanema será destinada ao BRT, onde a empresa responsável pagará pela cessão onerosa da área, gerando receita ao município”, portanto com definições sobre a destinação da antiga garagem da TCS.

Leia mais  Hospital de campanha terá prorrogação

 

Após algumas dúvidas serem levadas à tona, a mudança foi colocada em votação. André Antônio Fonseca Diniz, Eduardo Luis Cruells Vieira e Milton Carlos Sanches votaram contra. Houve uma abstenção. Houve tentativa de postergar a decisão, que não foi aceita pela maioria.

Após a reunião, membros do CMS reclamaram do encontro ter ocorrido de forma presencial, em meio às recomendações de isolamento social, por exemplo. Alguns citaram que o fato favoreceu a aprovação da mudança, tendo em vista que grande parte dos que estavam presentes é membro do Executivo.

O local, na avenida Ipanema, foi comprado pela Prefeitura de Sorocaba ainda na gestão do ex-prefeito Antonio Carlos Pannunzio (PSDB) por R$ 13 milhões. Avaliação de 2018 mostrava que o local já valia mais de R$ 20 milhões. Em março de 2019, a tentativa de transferir o local para ser garagem do BRT foi barrada pela Câmara de Sorocaba.

No local onde se pretende construir o hospital municipal, na rua Paes de Linhares, há o prédio do antigo matadouro, que é tombado pelo Conselho Municipal de Defesa do Patrimônio (CMDP) desde 1996. Na Câmara de Sorocaba, a mudança é alvo de questionamento por parte da vereadora Fernanda Garcia (Psol).

Leia mais  Governo estadual destina 10 respiradores a hospital de Itu

 

Decreto

Não bastasse toda a situação, em 23 de abril de 2019, o então prefeito José Crespo (DEM), declarou de utilidade pública, a fim de ser construído hospital municipal de Sorocaba, um terreno de 40 mil metros quadrados na região onde se localiza a Arena Multiúso e o Novo Regional Adib Jatene.

Questionado sobre detalhes do novo hospital, o Executivo afirmou que “apesar do assunto ‘hospital municipal’ ter passado em reunião pelo Conselho Municipal de Saúde, ainda não há uma definição, pois o projeto está em fase de análise pelo Poder Público”.

A Prefeitura de Sorocaba não respondeu o porquê da escolha do local, por qual motivo a questão foi submetida ao Conselho de Saúde em meio à pandemia e se o decreto assinado pelo então prefeito José Crespo ainda está em vigor. (Marcel Scinocca)

Comentários