Covid-19 Sorocaba e Região

Academias, salões de beleza e restaurantes poderão reabrir em Sorocaba

As 48 cidades do Departamento Regional de Saúde (DRS) de Sorocaba avançarão para a fase 3 (amarela) do Plano SP
Justiça suspende flexibilização da quarentena em Sorocaba
Profissional corta o cabelo de cliente em salão de beleza. Crédito da foto: Pxhere

Atualizada às 13h06

Sorocaba avançou à fase 3 (amarela) do Plano São Paulo. O anúncio foi feito na tarde desta sexta-feira (7) pelo governador João Doria (PSDB). A atualização passa a valer a partir deste sábado (8), mesma data em que o Estado entra na nona prorrogação da quarentena, agora até o dia 23 de agosto.

O avanço compreende as 48 cidades do Departamento Regional de Saúde (DRS) de Sorocaba. Esses municípios estavam na fase 2 (laranja) desde 13 de julho.

A decisão do governo estadual permitirá a reabertura com restrições de bares, restaurantes, salões de beleza, barbearias e academias de ginástica. Esses estabelecimentos estão fechados em Sorocaba desde 23 de março, data da decretação do período de quarentena na cidade.

Leia mais  Governo adia volta às aulas para 7 de outubro no estado de São Paulo

 

O Plano São Paulo foi criado para estabelecer uma estratégia de retomar com segurança a economia durante a pandemia do coronavírus. Ele engloba todos os municípios do Estado.

Além da DRS de Sorocaba, outras oito regiões do interior do Estado evoluíram da fase vermelha para a amarela. De acordo com o governador, a queda no número de óbitos e internações por conta da Covid-19 permitiu o avanço das cidades no Plano SP. “O interior é a região que mais nos preocupava. Continua a preocupar, porém agora temos boas perspectivas e bons resultados”, afirmou Doria.

O governador destacou que a população deve continuar seguindo as medidas de segurança sanitária. “Isso não deve significar um relaxamento contra o coronavírus e as medidas de cuidados pessoais. Qualquer descuido pode ser fatal.”

Estado autoriza abertura de restaurantes até às 22h na fase amarela
Restaurantes terão mais tempo para funcionar na fase amarela do Plano São Paulo. Crédito da foto: Pxhere

O que muda?

O Plano São Paulo regulamenta o enfrentamento à pandemia do novo coronavírus e a retomada de atividades econômicas nos 645 municípios paulistas, divididos em 17 regiões de saúde.

As fases de cada região são determinadas por critérios técnicos e científicos como casos confirmados da contaminação por Covid-19, óbitos e capacidade de atendimento hospitalar a casos graves da doença.

Na fase 3 (amarela), o governo do Estado permite o funcionamento com atendimento presencial de bares e restaurantes em horário reduzido – 6 horas por dia. A capacidade de atendimento de cada estabelecimento será de 40%.

O mesmo acontece com salões de beleza e barbearias. Já os shoppings e comércios de rua terão a permissão de funcionar com até 40% da capacidade. Na laranja, é de apenas 20%.

As academias têm permissão de 30% da capacidade. O usuário só pode utilizar as dependências com horário marcado para evitar aglomeração. O governo também liberou, no último dia 29, treinamentos e competições de esportes sem contato físico direto, como vôlei, tênis, hipismo e natação.

Em Sorocaba

A Prefeitura de Sorocaba fará uma coletiva de imprensa, nesta sexta-feira (7), às 15 horas, sobre a retomada das atividades econômicas na cidade. O encontro será realizado no Paço Municipal. (Da Redação)

Comentários