Uniso Ciência

No Dia Mundial da Astronomia, leitores ganham carta celeste para observar as estrelas

A sétima edição do jornal Uniso Ciência chega aos leitores na véspera do Dia Mundial da Astronomia, comemorado em 8 de abril
Órion, uma das constelações que poderão ser observadas com o auxílio da carta celeste FOTO:IStock

A sétima edição do jornal Uniso Ciência chega aos leitores na véspera do Dia Mundial da Astronomia, comemorado em 8 de abril. Por isso, essa edição apresenta uma reportagem especial sobre a data, acompanhada de uma carta celeste que possibilitará a apreciação das principais constelações da região de Sorocaba, como as Três Marias e o Cruzeiro do Sul.

A observação dos astros é uma prática registrada desde a pré-história, que possibilitou à humanidade ampliar seu conhecimento sobre o mundo. O desenvolvimento da agricultura e da navegação, por exemplo, assim como a elaboração de teorias fundamentais do pensamento científico moderno resultaram dessa prática. A simples observação direta evoluiu com o uso de ferramentas e o desenvolvimento da tecnologia, ao longo da História, mas o encantamento e a curiosidade que a observação do céu desperta permanece em todas as épocas.

Para quem quiser saber mais sobre o tema, neste 8/4, o Grupo de Estudos de Astronomia da Uniso (GEA) realizará um bate-papo especial, aberto a toda a comunidade, a partir das 17h, no Bloco F da Cidade Universitária (Rodovia Raposo Tavares, KM 92,5).

Leia mais  Envelhecimento da população motiva pesquisa em Ciências Farmacêuticas

Outro assunto abordado na 7ª edição do Uniso Ciência é uma pesquisa realizada com agricultores familiares na cidade de Piedade sobre a dispensa de embalagens de defensivos agrícolas. O estudo analisou em que condições os agricultores familiares estão realizando a devolução obrigatória de embalagens ao fabricante, dentro dos termos da lei que regula essa prática. No ano 2000, foi aprovada a Lei Federal 9.974, que estabelece normas para a destinação adequada de embalagens vazias de defensivos agrícolas. A lei obriga que o produtor rural devolva as embalagens usadas aos comerciantes, que, por sua vez, são responsáveis por devolvê-las aos fabricantes, constituindo, assim, um fluxo conhecido como Logística Reversa.
Por fim, o Uniso Ciência mostra a história da clonagem da paineira que ficou conhecida como a Árvore Grande e que deu nome a um dos mais tradicionais bairros de Sorocaba. Em um trabalho realizado pelo Núcleo de Estudos Ambientais da Universidade de Sorocaba, foram produzidas várias mudas da árvore original, que já morreu. Uma dessas mudas, desenvolvida por meio do processo de clonagem, cresceu e hoje floresce na Cidade Universitária, maior câmpus da Uniso.

Leia mais  Envelhecimento da população motiva pesquisa em Ciências Farmacêuticas

O sétimo Uniso Ciência acompanha a edição impressa e digital do Cruzeiro do Sul do dia 7 de abril. Outras notícias relacionadas à pesquisa e eventos acadêmicos no campo científico estão disponíveis no blog exclusivo do Uniso Ciência, no site do Cruzeiro do Sul.

Além do jornal e do blog, o Uniso Ciência também disponibiliza uma revista bilíngue semestral, nas versões impressa e online, que pode ser acessada gratuitamente na página.

Comentários

CLASSICRUZEIRO