Turismo

Tire suas dúvidas sobre bagagem de mão

Confira as medidas, o peso e como posicionar mala e mochila no avião
Tire suas dúvidas sobre bagagem de mão
Mala deve ser colocada no compartimento com as rodas para trás; mochila ou bolsa vão sob o banco da frente. Crédito da foto: Divulgação

Termina em 22 de maio o período de orientação sobre os novos limites do volume das bagagens de mão nos voos nacionais. Com isso, todos os aeroportos brasileiros passam fiscalizar e cobrar pelos excessos a partir do dia seguinte.

As medidas máximas definidas por quatro empresas que atuam no mercado nacional — Latam, Gol, Avianca Brasil e Azul — são 55 centímetros de altura (incluindo as rodinhas), 35 centímetros de largura e 25 centímetros de profundidade. A conferência é feita por meio de um gabarito — a mala tem de caber dentro dele. Os excessos custarão entre R$ 59 e R$ 220.

Quanto ao peso, o máximo que pode ser levado pelo passageiro na cabine do avião, somando a mala de mão e a bolsa ou mochila de itens pessoais, é de 10 quilos. No entanto, o início da pesagem ainda não foi anunciado.

Leia mais  Aventura e Contemplação

 

A solução, para quem não está disposto a aumentar as despesas com viagens, é se adaptar às exigências. Vale a pena pegar uma fita métrica e dar uma conferida, para ver se a sua bagagem passaria no controle. Quem está acostumado a viajar para a Europa, por exemplo, pode enfrentar dificuldades. As medidas aceitas pelas companhias que atuam no Velho Mundo são maiores: 55 cm x 40 cm de largura x 20 cm de profundidade.

Posição da bagagem

Tire suas dúvidas sobre bagagem de mão
Crédito da foto: Divulgação

Outra dica útil é sobre a melhor posição para acomodar a mala no bagageiro. De acordo com a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), o ideal é colocar a mala ’de comprido’ — com as rodinhas para trás — no compartimento que fica sobre os bancos.

Dessa maneira, nos aviões mais usados em rotas domésticas, caberão três malas por compartimento. Lembrando que nessas aeronaves existe espaço para uma mala por pessoa. A Abear explica que, ao posicionar a mala com as rodinhas para trás, ela já fica na posição de ser puxada pela alça na hora de tirá-la.

É possível também subir nos aviões que fazem voos domésticos com uma bolsa ou mochila pequena. Para que sobre mais espaço nos bagageiros, as companhias aéreas estão orientando para que esses itens pequenos sejam postos embaixo do assento à frente do passageiro.

Se o passageiro colocar a mochila no compartimento de bagagem, é bem provável que um comissário de bordo a retire de lá e peça para posicioná-la no local definido para ela. Antes de viajar, convém acessar o site da companhia aérea ou da Abear para tirar dúvidas sobre a bagagem. (Da Redação)

Comentários

CLASSICRUZEIRO