Turismo

Santiago, no Chile, é destino tendência em 2019

Para turistas brasileiros, capital chilena supera Buenos Aires
Santiago é destino tendência em 2019
Santiago tem como atrativos a Cordilheira dos Andes, vinícolas e câmbio favorável. Crédito da foto: Divulgação

A cidade de Santiago, no Chile, foi considerada destino internacional favorito dos brasileiros em 2019 segundo o buscador de viagens Momondo. Houve aumento de 230% na procura por voos para o destino, superando Buenos Aires, a capital argentina, na preferência nacional. A capital chilena oferece inúmeros atrativos para os turistas, incluindo o câmbio favorável, bairros boêmios como os famosos Bellavista e Lastarria, com atrações históricas e culturais para todos os gostos e boa gastronomia.

Organizada e cosmopolita, Santiago tem grande parte das atrações próximas umas das outras, e o melhor: elas podem ser visitadas usando apenas o transporte público, táxi, aplicativos ou mesmo a pé.

Para visitar o Chile não são necessários passaporte nem vacinas, apenas RG em bom estado e com menos de 10 anos de uso. O país andino fica perto do Brasil (são apenas quatro horas de voo partindo de São Paulo, cinco horas a partir do Rio de Janeiro e sete horas de Brasília) e conta com diversas opções de companhias aéreas com voos diretos para a capital Santiago, incluindo Aerolíneas Argentinas, Avianca, Azul, Emirates, Gol, Latam e Sky Airline.

Leia mais  Atividades turísticas caem 36,7% em 2020, diz IBGE

Graças à grande oferta de voos para Santiago, a concorrência entre as companhias aéreas barateia o custo de passagens e aumenta a oferta de promoções. Além disso, em tempos de dólar caro, viajar pela América do Sul é sempre uma alternativa para economizar. Um real vale, em média, cerca de 180 pesos chilenos, garantindo maior poder de compra durante a viagem.

Santiago é emoldurada pela Cordilheira dos Andes, e fica próxima a diversas estações de esqui e snowboard para quem deseja praticar esportes ou brincar na neve. A principal delas é o Valle Nevado, localizada a apenas 1h30 a partir do aeroporto. Durante a temporada de neve, que costuma ir de junho a setembro, a estação recebe milhares de visitantes que fazem passeios no estilo “bate e volta” e viajantes que ficam hospedados no complexo, que conta com três opções de hotéis, apartamentos residenciais, restaurantes, lojas para compra e aluguel de roupas de inverno e equipamentos para esportes, spa e fitness center.

Leia mais  Destinos oferecem baixo risco de aglomerações

Outro atrativo dos arredores de Santiago são as vinícolas, ideais para conhecer de perto o processo de produção de vinhos e, claro, fazer degustações. (Da Redação, com informações da agência BRT)

Comentários