Turismo

OMT aponta caminhos para o turismo de SP

OMT aponta caminhos para o turismo de SP
Vinicius Lummertz é o secretário estadual de Turismo de São Paulo. Crédito da foto: Divulgação / Secretaria Estadual de Turismo

Posicionar o Estado de São Paulo como destino voltado ao turismo de saúde é importante para o Brasil e a América Latina como um todo, pois a região precisa de melhores hospitais e tratamentos médicos específicos, o que têm forte apelo aos investidores internacionais. A opinião é do secretário-geral da Organização Mundial do Turismo (OMT), Zurab Pololikashvili, que participou do primeiro “Broadcast São Paulo Pra Todos”, dirigido a empresários do setor, no dia 2.

O debate foi conduzido pelo secretário estadual de Turismo, Vinicius Lummertz. “Entre as vantagens de São Paulo estão a malha aérea, já que o Estado é o principal hub da região, e a rede hoteleira variada”, afirmou o secretário. O evento também abordou o potencial brasileiro para receber os resorts integrados a cassinos, mercado que atrai grandes investimentos, principalmente da China e do Sudeste Asiático.

Leia mais  Destinos regionais devem ser 1ª opção

O broadcast foi o primeiro promovido pela Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo e teve audiência de 1.300 espectadores. Além do secretário-geral da OMT, também foi convidada para esta edição a pesquisadora e PhD Dan Wang, professora da Escola de Hotelaria e Turismo da Universidade Politécnica de Hong Kong, na China.

Pololikashvili relatou o exemplo do arquipélago espanhol das Ilhas Canárias, no Oceano Atlântico, na costa noroeste da África. Na volta às atividades, o governo local emitirá certificados eletrônicos, um tipo de passaportes sanitário digital para atestar que os turistas não estão contaminados e fazer o monitoramento desses visitantes.

Já a professora Dan Wang apresentou exemplos do uso de tecnologia e smart destinations (destinos turísticos inteligentes). De acordo com ela, para encorajar os visitantes, alguns aeroportos chineses passaram a adotar soluções com serviços 100% autônomos, evitando o contato direto entre passageiros e equipes de atendimento. A próxima edição do broadcast será em 16 de junho. (Da Redação, com informações da Secretaria Estadual de Turismo)

Comentários