Turismo

O Brasil turístico está nas telas

Sugestões para os viajantes incluem histórias de luta, aventuras, animações e sucessos da Marvel
O Brasil turístico está nas telas
Pirenópolis é considerada um retrato vivo da história do povo goiano e foi cenário para o filme “Dois filhos de Francisco”. Crédito da foto: Augusto Miranda / Ministério do Turismo

Filmes que mostram o turismo do Brasil são boas opções de lazer para este momento em que ficar em casa é uma necessidade imposta pela pandemia de coronavírus. Pensando nisso, a Agência de Notícias do Turismo preparou uma lista de obras, nacionais e estrangeiras, que mostraram no cinema as belezas do nosso país, como o Rio de Janeiro, São Paulo, Jalapão, Foz do Iguaçu e o Parque Nacional do Xingu. As sugestões passam por histórias de luta, da vida de dupla sertaneja, das aventuras de Deus brasileiro e vão até películas do famoso espião James Bond, do aventureiro Indiana Jones, animações de Hollywood e sucessos da Marvel.

Os filmes podem ser assistidos em vários serviços de streaming e em canais a cabo (muitos estão liberados para acesso). Abaixo, um pouco mais da nossa seleção. Sem spoiler, mas tem até cidade que ficou conhecida como “Roliúde Nordestina”.

O Rio de Janeiro, cidade brasileira mais visitada por turistas, já foi cenário para a produção de muitos filmes. Além de películas nacionais como Cidade de Deus, Corcovado e Central do Brasil, o Rio de Janeiro teve bastante protagonismo em obras estrangeiras. As lindas paisagens da cidade, com destaque para o bondinho do Pão de Açúcar, tiveram destaque em “007 Contra o Foguete da Morte” (1979). Na saga “Crepúsculo: Amanhecer – Parte 1” (2011), a Lapa e a Marina da Glória tiveram grande espaço. A capital fluminense foi também homenageada pela animação “Rio”, que reproduz várias pontos turísticos da cidade.

São Paulo também foi palco de diversas obras cinematográficas. “Ensaio Sobre a Cegueira” (2008), por exemplo, mostra cartões-postais da capital paulista, como as escadarias do Theatro Municipal, o Viaduto do Chá, a avenida Paulista e o Minhocão. “De Onde Eu Te Vejo” também traz uma série de pontos famosos da capital paulistana, assim como “O Casamento de Romeu e Julieta” (2005), que exibe pontos como a Praça Charles Miller e o estádio da Pacaembu.

Natureza exuberante

O Brasil turístico está nas telas
Rios, cachoeiras e formações rochosas encontram-se no Jalapão. Crédito da foto: Divulgação / portal.to.gov.br

Em “Deus é Brasileiro” (2003), estrelado por Antônio Fagundes, o Parque Estadual do Jalapão, no Tocantins, tem parte de suas belezas revelada. A região encanta por suas águas abundantes, chapadões e serras com clima de savana, além da paisagem de cerrado, com direito a dunas alaranjadas, rios, cachoeiras, nascentes e impressionantes formações rochosas.

Foz do Iguaçu também já protagonizou inúmeros filmes, especialmente com as paisagens naturais, os rios e riachos livres do Parque Nacional do Iguaçu. O local abriga perto de 400 espécies de aves, 158 espécies de mamíferos, 175 espécies de peixes, mais de duas mil espécies de plantas e mais de 750 espécies de borboletas. Esses encantos estão presentes em “Pantera Negra” (2018), que conta a história de um dos membros dos Vingadores, da Marvel. “Indiana Jones e o Reino da Caverna de Cristal” (2008) também teve cenas gravadas no local, uma das novas sete maravilhas da natureza.

Já Recife, em Pernambuco, tem suas belezas retratadas em filmes como “Lisbela e o Prisioneiro”, que mostra, por exemplo, a Igreja de Santa Cruz, construída entre 1725 e 1732. O filme teve tanto sucesso que Recife ficou conhecida como a “Roliúde Nordestina”. A capital pernambucana também apareceu em “Gonzaga: de Pai pra Filho” (2012), que mostra um show musical no Marco Zero, um dos locais históricos da cidade

O Brasil turístico está nas telas
Os encantos de Recife também estão nos roteiros de várias produções. Crédito da foto: Divulgação / visit.recife.br

Se a vontade é ver algum filme com os incríveis Lençóis Maranhenses, “Vingadores Guerra Infinita” (2018), sucesso da Marvel, é uma ótima escolha, assim como o nacional “Casa de Areia” (2005). O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses é considerado um dos destinos mais bonitos do País, combinando quilômetros e quilômetros de dunas brancas pontilhadas por lagoas de água doce, ora azuis, ora verdes, e apresenta inúmeros atrativos naturais. Agora, se o objetivo é ver o rio Amazonas e as peculiaridades da Floresta Amazônica, a lista tríplice “Anaconda” (1997), “Tainá – Uma Aventura na Amazônia” (2001) e “Amazônia” (2014) é um prato cheio.

“No dia em que eu saí de casa / Minha mãe me disse: Filho, vem cá”. O refrão da música de Zezé Di Camargo & Luciano é a trilha sonora do filme “Dois filhos de Francisco”, que conta a história da dupla sertaneja. A maior parte das cenas foi gravada em Pirenópolis, cidade turística tombada como patrimônio nacional. Cercado de morros, cachoeiras e outras belezas naturais, o município é considerado um retrato vivo da história do povo goiano. (Rafael Brais – Ministério do Turismo)

Comentários