Turismo

Holambra se prepara para festejar as flores

A partir da próxima sexta, a cidade sediará mais uma edição da Expoflora
Vai começar a Festa das Flores
Exposição de Arranjos Florais e a Mostra de Paisagismo atraem os olhares e a admiração de milhares de visitantes. Crédito da foto: Divulgação / Ateliê da Notícia

A maior exposição de flores e plantas ornamentais da América Latina, realizada anualmente em Holambra para dar as boas-vindas à primavera, acontecerá entre os dias 24 deste mês e 23 de setembro, com a expectativa de superar os 300 mil visitantes do ano passado.

O que não faltam são motivos para estar lá e se deliciar com a Exposição de Arranjos Florais, a Mostra de Paisagismo e Jardinagem e a culinária típica holandesa que inclui o pannekoek (panquecas), eisben (joelho de porco), batata holandesa, o vis holand (peixe holandês) nas versões vis en friet (peixe frito) e zure haring (feito com a sardinha fresca maturada), diny rosti (batata pré-cozida, ralada com bacon e especiarias e recheada com salsichões), festival stamppot (purês típicos acompanhando dois salsichões), stampot wortel (purê de batata com cenouras e carne de porco e molho de cerveja).

Leia mais  Ministério cria selo para proteger turistas durante a pandemia

Há, ainda, doces e bolachas, como o poffertjes (minipanquecas doces), speculaas (bolacha feita a partir da mistura de especiarias, com acentuado gosto de canela), stroopwafel (waffel recheado com caramelo de melaço de cana), e vlaai de damasco (waffel recheado com damasco), entre outros. Os confeiteiros e chefs holandeses criam sempre novas receitas para atrair os visitantes pelo paladar, como o bloempot (torta holandesa, servida em vaso de flor) e o sorvete de rosas.

As danças típicas holandesas também são imperdíveis. São 300 bailarinos, entre 9 e 18 anos idade, que apresentam-se nos cinco palcos do recinto. Os integrantes, de acordo com a idade, são divididos em grupos que têm nomes de flores, escolhidos pelas próprias crianças. As danças são inspiradas na natureza, nas profissões e nas colheitas ou mesmo em historias sobre a origem e as tradições do povo holandês, representados por meio de valsas, marchas, mazurcas e schots (que virou xote).

Além disso, há a Parada das Flores, a Chuva de Pétalas e o Shopping das Flores, e quem for à Expoflora poderá fazer um tour por Holambra e conhecer um pouco mais sobre a história dos imigrantes holandeses. Para saber mais: reservas@expoflora.com.br ou telefone (19) 3802-1499. (Da Redação)

Comentários