Mix

Gorjeta de US$ 10 mil é deixada em restaurante antes de demissões

Os 20 funcionários do restaurante ficaram com 500 dólares cada um
No dia seguinte, a crise do coronavírus forçou a rede a fechar e todos foram demitidos. Crédito da foto: Pxhere

 

Um homem deixou uma gorjeta de 10 mil dólares em um restaurante na Flórida, e os 20 funcionários do local distribuíram igualmente entre si. No dia seguinte, a crise do coronavírus forçou a rede a fechar e todos foram demitidos.

“Apesar de todas as histórias negativas que ouvimos agora, existem pessoas realmente fantásticas no mundo”, escreveu Ross Edlund, dono da rede The Skillet, em sua página do Facebook na quinta-feira.

Na semana passada, um dia antes de o governador Ron DeSantis ordenar o fechamento de todos os restaurantes exceto para entregas a domicílio, um homem que permanece anônimo deixou 10.000 dólares em dinheiro em um restaurante do The Skillet em Naples, na costa oeste da Flórida.

O homem era cliente frequente do lugar e Edlund tenta identificá-lo, relatou primeiro o jornal local Naples Daily News.

“É engraçado porque temos clientes frequentes que sempre vêm, que são nossos amigos, mas nem sempre sabemos seus nomes. Conhecemos seus rostos, seus pedidos, suas mesas favoritas, mas não sabemos exatamente quem são”, disse ao jornal.

Os 20 funcionários do restaurante ficaram com 500 dólares cada um. No dia seguinte, Edlund fechou seus nove restaurantes na Flórida e demitiu 90% de seus 200 funcionários. (AFP)

Leia mais  8 pratos que você não imaginava que possuem opções veganas
Comentários