Cruzeirinho

Cada um de nós é uma peça de um quebra-cabeças

Cada um de nós é uma peça de um quebra-cabeças
Crédito da foto: Divulgação

Vanessa Marconato Negrão

Quando eu era criança meus brinquedos preferidos eram os quebra-cabeças. Tinha poucos e os guardava feito tesouros, nunca perdia uma peça e não cansava de montá-los e desmontá-los. O autor desse livro também ama esse brinquedo e fez de vários deles uma obra de arte.

Conheci o trabalho de Diego Bianki no primeiro evento que ele fez no Brasil, em 2015 e fiquei encantada! O livro que ele lançava naquela ocasião era justamente esse: “Rompecabezas”, em sua versão original publicado na Argentina. Infelizmente o livro demorou alguns anos para chegar ao Brasil. Quando vi sua capa entre outros livros, logo reconheci e corri comprar o meu.

Em “Quebra-Cabeças” há seres de outros planetas, bichos, pessoas e muito mais. Diego convida todos nós a fazermos nossos próprios quebra-cabeças a partir de objetos reciclados, que usamos no cotidiano. Uma brincadeira que pode ensinar muito sobre discriminação e exclusão, já que o princípio do jogo de montar, segundo o autor, é que há algo em que somos iguais: somos todos diferentes.

Diego é mestre em desenho e vale a pena conferir outras obras suas, todas elas são um convite a imaginação. Quebra-Cabeças é publicado pela Editora Martins Fontes.

Leia mais  Desenhos em defesa dos direitos das crianças

Vanessa Marconato Negrão é professora e apaixonada por literatura infantil.

Comentários