Cruzeirinho

As ágeis gaivotas



As ágeis gaivotas
As gaivotas no ambiente que mais frequentam: a beira do mar. Crédito da foto: AFP / Don Emmert

Elas vivem — e voam — sempre perto das águas. Assim são as gaivotas, classificadas como aves marinhas, porque sempre estão assim, como mostra a foto, bem próximo do mar.

São aves de cor branca e cinza, com marcas pretas pelo corpo, principalmente na cabeça e nas asas. Elas variam bastante quanto ao tamanho — afinal, existem cerca de 90 espécies diferentes na natureza. Existe uma, chamada de gaivota anã, que não passa dos 29 centímetros de altura e 120 gramas de peso. Em compensação, a gaivota Atlântica pode chegar a 76 centímetros e quase dois quilos. Suas patas possuem membranas que as ajudam a ser, além de ágeis no voo, rápidas também para se mexer na água.

Por viver sempre perto no mar e ter facilidade de se deslocar nesse ambiente, as gaivotas se alimentam principalmente de peixes, lulas e caranguejos. Mas elas comem também insetos e até vegetais. Entre seus principais comportamentos estão, inclusive, os voo frequentes sobre os oceanos, barcos, portos, em busca de algo gostoso para comer. Quando não estão voando ficam assim como na foto, nas margens, de olho em tudo o que possa virar alimento.

Leia mais  UFSCar está em busca de pequenas cientistas

Uma das características que diferenciam as gaivotas de outras aves — inclusive de suas “primas” mais famosas, as andorinhas — é seu canto: ardido e estridente.

Comentários

CLASSICRUZEIRO