Casa e Acabamento

Quais o melhores pisos para a cozinha?

Quais o melhores pisos para a cozinha?
Piso vinílico, fácil de aplicar, pode ser limpo com pano úmido. Crédito da foto: Divulgação Tarkett

Escolher o tipo de piso para a cozinha gera dúvidas para quem está reformando ou construindo. Há muitas opções de materiais, acabamentos, texturas e estilos, que é fácil mudar de opinião por várias vezes até tomar uma decisão final. É fundamental lembrar que a cozinha é o ambiente da casa onde respinga água e gordura, além de resíduos de alimentos. Por isso, o piso precisa ser prático de limpar e fácil de fazer a manutenção, conforme orienta a equipe do blog da Leroy Merlin.

A ideia de que é melhor escolher piso claro para esconder a sujeira não é unanimidade, pois o piso escuro também evidencia a sujeira. E, afinal de contas, é melhor que a cozinha esteja sempre limpa, sem precisar esconder nada.

Existe uma gama enorme de materiais. Dentre as alternativas que estão no mercado, você pode optar entre porcelanato, cerâmica, ladrilho hidráulico, piso vinílico, mármore e granito, de acordo com a Leroy Merlin.

O porcelanato é resistente a água, respingos de gordura e ao desgaste causado pela circulação de pessoas. O material é tão versátil que também pode ser usado em outras áreas, como quartos, banheiros, salas e escritórios. Para a cozinha, o mais indicado é o porcelanato esmaltado, disponível em cor única ou decorados, com estampas de mármore, cimento, madeira ou pedra.

O piso cerâmico é uma opção mais econômica e tem variedade de modelos, além de tamanhos e preços.

Quais o melhores pisos para a cozinha?
Porcelanato é material resistente e versátil. Crédito da foto: Divulgação

Se você quer deixar o ambiente com aquele aconchego da casa da avó, aposte no ladrilho hidráulico, que pode ser usado em toda a extensão da cozinha ou compor apenas um detalhe da decoração, com outros materiais, como porcelanato imitando madeira ou cimento queimado, por exemplo. O material é bem resistente e requer impermeabilização com resina, porque é poroso.

Tipo de piso bem versátil para vários ambientes da casa, o piso vinílico é composto por PVC e é vendido em mantas, réguas ou placas. É fácil de aplicar, gera isolamento acústico e tem alta durabilidade. Pode ser usado na cozinha e pode ser limpo com pano úmido e detergente neutro.

O mármore é sinônimo de sofisticação. Se comparado ao porcelanato e ao piso cerâmico, é mais resistente e caro. O mármore requer cuidados especiais: é escorregadio se molhado, pode manchar ou sofrer arranhões e, caso o piso não esteja selado adequadamente com um produto químico de vedação, pode ser danificado se estiver contato com líquidos ácidos, como molhos e sucos de frutas.

Já o granito é uma boa alternativa ao mármore: mais em conta, menos poroso e, portanto, não mancha com tanta facilidade. Pode ser polido para remover manchas e restaurar o brilho. (Da Redação)

Comentários