Casa e Acabamento

O futuro já chegou, basta usar a voz para acender a luz de casa

Automação por comando de voz já é uma realidade e está disponível em lançamento imobiliário de Sorocaba
O futuro já chegou
A tecnologia torna automáticas tarefas como acender e apagar luzes, ligar e desligar equipamentos e eletrodomésticos que disponham de conexão wi-fi. Crédito da foto: Emidio Marques / Arquivo JCS (26/8/2019)

Se um dia você sonhou em chegar no seu apartamento e, com um simples comando de voz, acender as luzes de todos os cômodos — ou só de um deles — e ligar o ar-condicionado, saiba que tal desejo já pode ser atendido. Isso porque o sistema de automação residencial por voz já é uma realidade bastante palpável no mercado da construção civil.

Uma prova é que, em Sorocaba, uma empresa de empreendimentos imobiliários lançará, em breve, um residencial com duas torres de 19 andares e 312 apartamentos cuja maior novidade são os apartamentos inteligentes preparados para facilitar e tornar automáticas algumas tarefas diárias. É o caso de, por exemplo, acender e apagar luzes, ligar e desligar aparelhos de ar-condicionado e áudio & vídeo, além de eletrodomésticos e equipamentos que disponham de conexão via rede wi-fi.

Pode até parecer supérfluo, mas acender as luzes quando chegamos em casa com as mãos cheias de sacolas, com a ajuda de um assistente inteligente, é extremamente funcional. Além disso, realizar uma pesquisa e perguntar o significado de uma palavra e obter a resposta em segundos — sem ter de tocar na tela do smartphone — é outra facilidade atrativa. É uma sensação de que o futuro chegou.

Leia mais  Dois apartamentos em um só
O futuro já chegou
O empresário Júlio Reis. Crédito da foto: Emidio Marques / Arquivo JCS (26/8/2019)

A interface com os equipamentos domésticos é feita pelo dispositivo Google Home, que, segundo o empresário Júlio Reis, da JJR Empreendimentos, deve ser comprado pelo proprietário do imóvel — custa, em média, R$ 200. Ele funciona como um alto-falante desenvolvido para ser um assistente diário do morador e como suporte integrado para a automação residencial. O equipamento pode ser colocado em qualquer cômodo da casa, sendo mais indicado na sala ou na cozinha, que são os ambientes mais próximos da entrada do apartamento, por exemplo.

“O Google Home permite que os moradores disparem comandos de voz para interagir, por meio de um assistente pessoal, chamado Google Assistente, com todos os eletrodomésticos do apartamento que estão conectados ao equipamento via wi-fi — e, ainda, acender e apagar luzes, assim como controlar o ar-condicionado”, diz.

Outro atrativo do sistema é que, pelo aplicativo Google Home no smartphone, o proprietário do imóvel pode controlar os eletrodomésticos antes mesmo de chegar em casa. “Se está um dia de calor, por exemplo, antes de sair do trabalho, você acessa o aplicativo e liga o aparelho de ar-condicionado e regula a temperatura. Daí, quando você entrar no apartamento, já vai estar aquela temperatura agradável”, destaca.

Leia mais  Como escolher janelas e portas?
O futuro já chegou
Um apartamento dotado dos recursos da automação pode ser visitado no local do condomínio. Crédito da foto: Emidio Marques / Arquivo JCS (26/8/2019)

Outra novidade no apartamento inteligente, por exemplo, é que todas as manhãs é possível pedir ao Google Home para ouvir as notícias do dia. A escolha das músicas não é feita de forma aleatória pelo Google Assistente, mas sim baseada na lista de canais previamente escolhidos pelo proprietário, a partir de uma lista oferecida pelo dispositivo.

Também é possível ouvir a previsão do tempo, condições de trânsito e compromissos do dia, além de tocar música ou ouvir rádio, assistir TV, filmes, séries, entre outras funções diárias. Além disso, ainda é possível ativar o alarme e tocar sons para ajudar a dormir. Ah: o Google Assistente ainda fala o nome do proprietário do imóvel e até deseja bom dia.

In loco

O futuro já chegou
O condomínio terá apartamentos de um, dois e três dormitórios com suíte, todos com varanda gourmet e até três pontos de ar-condicionado, com carga elétrica adicional e pontos de tubulação de drenagens embutidos. Crédito da foto: Emidio Marques / Arquivo JCS (26/8/2019)

Quem quiser conferir a novidade na prática e imaginar como seria morar em um apartamento inteligente — como se estivesse vivendo em uma experiência parecida com a dos personagens do clássico desenho animado futurista “Os Jetsons” — pode visitar o apartamento decorado do JR São Paulo Condomínio, montado no endereço do futuro empreendimento, à avenida São Paulo, 2.233. No local há um estande com corretores aptos a demonstrar esses recursos tecnológicos.

Leia mais  Poltronas: clássicas e sofisticadas

O condomínio terá apartamentos de um, dois e três dormitórios com suíte, todos com varanda gourmet e até três pontos de ar-condicionado, com carga elétrica adicional e pontos de tubulação de drenagens embutidos. O piso será entregue nivelado com a varanda, já acabado nas áreas secas e úmidas. Cada unidade será preparada para aquecimento a gás nos chuveiros e na pia da cozinha.

Além disso, o empreendimento terá área de lazer com churrasqueira, piscina, sauna, playground, quadra, salão gourmet, bike share (bicicletas compartilhadas), salão de jogos, play baby, academia e brinquedoteca.

O futuro já chegou
Todas as unidades vêm preparadas para a automação. Crédito da foto: Emidio Marques / Arquivo JCS (26/8/2019)

“É impossível a adequação em empreendimentos de alvenaria estrutural não preparados já em sua construção para receber posteriormente o Google Home, pois não se pode cortar as paredes. Então, é o único empreendimento de Sorocaba com esse sistema de automação residencial por voz”, aponta Júlio Reis.

Ele destaca, ainda, que uma parte dos apartamentos esta contemplada pelo programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal. (Ana Cláudia Martins)

Comentários

CLASSICRUZEIRO