fbpx
Casa e Acabamento

Dois apartamentos em um só

Espaço é o que não falta na ampliação que juntou duas unidades, somando 248 m2, na Vila Leopoldina
Dois apartamentos em um só
O banheiro recebeu pastilhas brancas com rejunte rosa. Crédito da foto: Júlia Ribeiro / Divulgação

Mesmo somente para dois moradores, um apartamento de 137 metros quadrados na Vila Leopoldina, em São Paulo, não supria o que um casal jovem precisava, inclusive para receber amigos e parentes. A opção, em vez de se mudar para outro imóvel maior, foi comprar um apartamento contíguo para conseguirem um duplex, com total de 248 m2. Na decoração, não faltou marcenaria sob medida ao gosto do casal.

O projeto foi dividido em duas etapas. O arquiteto Danilo Hideki foi o responsável pelo geral da obra, bem como a distribuição dos espaços, desenvolvimento e atualização das instalações (elétrica hidráulica e climatização). O Estúdio Cipó, da arquiteta Fernanda Angelo e da designer de interiores Elisa Meirelles, produziu a marcenaria das áreas íntimas (quartos, sala de TV, closet, rouparia), além de completar os interiores do apartamento.

Leia mais  Efeito de aço oxidado chega ao porcelanato
Dois apartamentos em um só
A cozinha e a sala de jantar formam um único ambiente. Crédito da foto: Júlia Ribeiro / Divulgação

A reforma seguiu a linearidade do edifício, dessa maneira o percurso torna-se mais íntimo à medida que se avança para dentro da unidade. O primeiro ambiente é a sala de jantar executada pelo designer Otávio Coelho a pedido do arquiteto Hideki. A cozinha, por sua vez, geralmente separada das áreas sociais, ganhou maior dinamismo como ponto de encontro.

Como a proposta era ampliar as áreas sociais para os moradores terem mais espaço para receberem os amigos, a sala de estar está a um passo da cozinha. Ao abrir uma porta de madeira, os três ambientes se unem de maneira harmônica. As poltronas Paulistana, do arquiteto designer brasileiro Paulo Mendes da Rocha, completam o décor.

No segundo piso, os moradores encontram tranquilidade. O Estúdio Cipó, responsável pela maior parte do projeto deste pavimento com as áreas íntimas, elegeu a madeira e os tons de azul como destaques. A decoração mistura as tonalidades neutras do estilo escandinavo, presentes no sofá retrátil da Carbono e na madeira clara dos móveis e nas paredes brancas.

Leia mais  Um cantinho para o home office
Dois apartamentos em um só
Projeto de marcenaria foi feito exclusivamente para o duplex. Crédito da foto: Júlia Ribeiro / Divulgação

As soluções em marcenaria estiveram presentes no projeto. No andar superior, um dos destaques é a maneira criada para evitar a entrada de luz direta e dos barulhos externos. Um painel de madeira, que corre de forma vertical, substituiu a cortina de tecido na função de bloquear a luminosidade e ainda ajuda na acústica do som.

Na suíte, o que chama a atenção é a combinação descolada entre a madeira Freijó, os tons de azul e as paredes brancas. O banheiro da suíte possui um visual diferente do restante do apartamento. O banheiro recebeu um piso cerâmico azul e rejunte rosa, que contrapõe as paredes brancas. Os móveis foram produzidos pelo Estúdio Cipó, assim como o espelho que amplia o espaço. O destaque fica por conta da decoração com plantas.

No total, a obra de reforma e integração do duplex durou 10 meses, entre alterações estruturais e a instalação da marcenaria.

Comentários

CLASSICRUZEIRO