Casa e Acabamento

Cozinhas: Onde a beleza e a limpeza são essenciais

Coifas, exaustores, depuradores -- todos eles ajudam a manter o ambiente limpo
Cozinhas: Onde a beleza e a limpeza são essenciais
Algumas coifas, especialmente desenhadas, são verdadeiros objetos de arte, decorando com funcionabilidade. Crédito da foto: Reproduções da Internet

Manter uma boa circulação de ar na cozinha é indispensável para evitar que os odores, fumaça e superaquecimento gerados pelo preparo de alimentos, principalmente de frituras e grelhados, espalhem-se para os demais ambientes da casa. Além do posicionamento adequado das janelas, é importante escolher o sistema de exaustão corretamente. Para isso, é preciso entender a diferença entre exaustores, coifas e depuradores. Nesta reportagem, escrita pela blogueira Bebel Marrey Ferreira (https://bbel. uol.com.br/decoracao/a-diferenca-entre-coifa-exaustor-e-depurador/), tudo isso fica muito claro.

A primeira característica que diferencia estes equipamentos é a capacidade de transportar o ar para fora do ambiente. Esta é a função básica do exaustor, trocar o ar quente de dentro da cozinha pelo frio que está fora da residência.

O modelo mais comum em casas é o exaustor de parede. Ele é instalado em média a 2,5 metros do chão e é composto basicamente por um motor com hélice que, ao ser ligado, impulsiona o ar quente concentrado no alto para fora do ambiente.

Leia mais  Como melhorar o sinal do roteador de wi-fi?
Cozinhas: Onde a beleza e a limpeza são essenciais
O depurador suga o ar quente e carregado de partículas, filtra e o devolve purificado. Crédito da foto: Reproduções da Internet

Segundo a Tramontina, as coifas são eletrodomésticos que, de acordo com a instalação, são capazes ou não de trocar o ar do ambiente. Existem dois tipos: de parede e de ilha. Quando usada na função de exaustor, a coifa possui uma tubulação que leva o ar captado na cozinha para fora da residência. Instalado em média a 72 centímetros acima do fogão, este equipamento conta ainda com um ventilador interno que faz a sucção do ar.

Quando instaladas na função de depurador, no entanto, as coifas sugam o ar quente e carregado de partículas, filtram-no e devolvem o ar purificado ao ambiente por meio de aberturas laterais em sua chaminé. O eletrodoméstico conhecido como depurador executa exatamente esta função, mas não possui a parte chamado de chaminé e por isso se adapta melhor a cozinhas menores.

Eliminando a gordura

Ao contrário das coifas e depuradores, os exaustores não possuem um sistema específico para retirar a gordura do ambiente. “Ao impulsionar o ar quente para fora da cozinha, o exaustor também elimina odores e partículas de gordura que tenham ficado suspensas no ar, mas o volume de gordura que chega ao alto da cozinha é significativamente menor do que aquele captado pela coifa”, explica Vagner de Paulo, engenheiro mecânico da empresa Tron, fabricante de exaustores residenciais e industriais.

Cozinhas: Onde a beleza e a limpeza são essenciais
O exaustor impulsiona o ar quente concentrado no alto para fora do ambiente. Crédito da foto: Reproduções da Internet

Internamente, as coifas costumam possuir um sistema de filtros de alumínio posicionados a 45 graus de inclinação para condensar a gordura que evapora com o ar. Este sistema tem calhas para recolher a gordura condensada. A parte interna da tela de inox da coifa possui ainda um filtro de poliéster junto à tela de metal que pode ser lavável ou descartável.

Leia mais  Como escolher janelas e portas?

O depurador, além de não trocar o ar do ambiente, tem potência menor do que as coifas e exaustores, por isso é o equipamento mais portátil e com preços mais acessíveis dentre os três. Assim como a coifa, ele conta com um motor interno que suga o ar e o obriga a passar por um filtro.

“O ar passa por dois níveis de filtragem e é devolvido límpido para o mesmo ambiente. A primeira filtragem é feita por intermédio de tramas de alumínio, laváveis, que retêm partículas maiores, como as de gordura. No segundo nível, o ar passa por um filtro de carvão ativado, que exige reposição aproximadamente a cada seis meses, que retém partículas menores – aquelas que carregam os odores desagradáveis‘, explica Daniel Silveira, gerente de produto da Electrolux.

Cozinhas: Onde a beleza e a limpeza são essenciais
Hoje existem coifas em modelos modernos, com design apurado, e em tamanhos variados. Crédito da foto: Reproduções da Internet

Ao contrário da coifa e do exaustor, o depurador não tem capacidade para diminuir o calor do ambiente e sua habilidade de eliminar odores e fumaça também é mais limitada do que a dos demais equipamentos de exaustão.

Leia mais  Mais resultados, menos custos

Enquanto a coifa conta com calhas que direcionam o escoamento e armazenamento da gordura, no depurador toda a gordura recolhida fica retida na grade de inox, o que pode ocasionar mau cheiro e a diminuição da capacidade de sucção do eletrodoméstico. Além disso, torna a necessidade de limpeza mais frequente do que nas coifas.

Comentários

CLASSICRUZEIRO