fbpx
Sorocaba e Região

Zoológico de Sorocaba fará reintrodução de antas em reserva ambiental no RJ

O casal tem três anos e nasceu no zoológico de Sorocaba
As antes nasceram no zoológico de Sorocaba. Crédito da foto: Sandra Fonseca / Prefeitura de Sorocaba

O Parque Zoológico Municipal Quinzinho de Barros dará início ao processo de reintrodução de um casal de antas nascido em Sorocaba para uma reserva ambiental da Mata Atlântica, no Rio de Janeiro. O procedimento ocorrerá nesta quarta-feira (3), a partir das 9h, e é denominado “Refaunação”. O objetivo é promover a reintrodução da espécie na floresta nativa e sua preservação no ecossistema.

O casal tem três anos e nasceu no zoológico de Sorocaba. Convive no recinto de antas dentro do parque com outros exemplares da espécie. O macho se chama “Marcelinho” e a fêmea, “Bianta”. Eles foram escolhidos depois de passarem por diversos exames médicos-veterinários para a reintrodução na mata nativa.

A defaunação – diminuição acelerada e drástica de espécies animais das florestas do Brasil – acontece, principalmente na Mata Atlântica, com a consequente ruptura das interações ecológicas e extinção de espécies nativas. O termo foi criado nos anos 90 pelo conservacionista e ativista Dave Foreman, como um método para preservar os ecossistemas funcionais e reduzir a perda da biodiversidade.

Diante desse quadro, professores e pesquisadores das universidades IFRJ, UFRJ e UFRuralRJ desenvolveram o Projeto “Refauna”, Rede para Reintrodução de Fauna e Restabelecimento de Interações Ecológicas. Assim, foi desenvolvido técnicas de reintrodução de anta (Tapirus terrestres) na Reserva Ecológica de Guapiaçu e no Parque Estadual dos Três Picos, no estado do Rio de Janeiro, local que será a nova morada do casal de antas oriundas do Zoo de Sorocaba.

Leia mais  Ônibus colide em veículo usado na varrição mecânica em Sorocaba

 

O zoológico de Sorocaba tem mantido e reproduzido espécies de antas com muito sucesso. “O zoológico está cumprindo com a sua missão, contribuindo com o revigoramento do material genético das espécies e no processo de reintrodução das antas”, comenta Cecília Pessutti, bióloga do Zoológico de Sorocaba. “A atividade de Refaunação faz parte das funções que o zoológico desempenha na sociedade que vai muito além da reconexão com a natureza, atuando, na prática, na conservação das espécies”, ressalta Felipe Cardoso, chefe de seção de Biologia e Veterinária do parque.

O Parque Zoológico Municipal Quinzinho de Barros está localizado na rua Teodoro Kaisel, 883, na Vila Hortência. O espaço está aberto para visitação de terça-feira a domingo, das 9h às 16h. (com informações da Prefeitura de Sorocaba)

Comentários