Sorocaba e Região

Vereador vai ao Ministério Público contra ICMS

A alta na alíquota do imposto desorganizou o mercado de carros usados, de acordo com representantes de revendas multimarcas

O vereador Ítalo Moreira (PSC), de Sorocaba, representou ao Ministério Público (MP) contra o aumento de ICMS do governador João Doria (PSDB). Desde o último dia 15, a alíquota do Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços era de 5,53% para veículos usados, o que representou uma alta de 207% sobre a anterior, de 1,8%. Para os novos, o aumento do imposto estadual foi de 12% para 13,3% — alta de 10,83%.

“Quem comprava um carro de R$ 50 mil pagava R$ 900 de ICMS até dia 14 deste mês. Agora, paga quase R$ 3 mil”, justifica o vereador. Ele afirma que a alta na alíquota do imposto desorganizou o mercado de carros usados, de acordo com representantes de revendas multimarcas. Segundo o vereador, para manter a margem de comercialização, a loja será obrigada a desvalorizar o valor de compra de um veículo usado e elevar o preço de venda.

Leia mais  Anunciada regra para custeio a estudantes no transporte público

Para Ítalo, “a tendência com esse aumento é de que o consumidor não aceite um valor menor pelo carro e acabe procurando uma venda particular, quebrando o setor”. (Da Redação)

Comentários