Buscar no Cruzeiro

Buscar

Vagões de passageiros retornam para Sorocaba

05 de Novembro de 2020 às 00:01

Vagões de passageiros retornam para Sorocaba Os vagões de passageiros do antigo trem Superluxo chegam sábado na cidade. Crédito da foto: Divulgação

Quatro vagões de passageiros que estavam em Cariacica, no Espírito Santo, devem chegar no próximo sábado a Sorocaba. Os veículos da Material Ferroviário S/A, mais conhecida como Mafersa, da série 800 foram doados pela empresa Vale à Sorocabana - Movimento de Preservação Ferroviária e à Associação de Preservação da Memória Ferroviária (APMF) e estão sendo trazidos a Sorocaba em carretas que partiram da cidade capixaba na última sexta-feira (30).

Dos quatro vagões, dois estão em condições de uso e vão ampliar em a capacidade de passageiros do projeto de trem turístico Sorocaba-Votorantim. Os outros dois vagões ficarão garageados em Sorocaba, na estação Paula Souza, e serão reformados com mão de obra dos próprios membros das associações contempladas com a doação e usadas futuramente em outros projetos turísticos-culturais.

A operação logística para o transporte dos quatro vagões, que têm restrições de tráfego em virtude do peso e do entre-eixo das carretas, começou há duas semanas e envolveu aproximadamente 15 pessoas, entre membros funcionários da Vale, membros das associações e da empresa de transporte. O gerente de projetos do Movimento de Preservação Ferroviária, Paulo Sérgio Vieira Filho, acompanhado de mais três membros da associação, esteve em Cariacica no último dia 25 e participou da preparação dos veículos até a manobra para o local do carregamento.

Vagões de passageiros retornam para Sorocaba Os carros foram doados pela Vale que também pagou o transporte até Sorocaba. Crédito da foto: Divulgação

O trajeto de 1 mil quilômetros percorrido pelos vagões, sob carretas de 100 metros de comprimento, é o oposto do realizado em 2002, ano em que os quatro veículos originários do trem Superluxo, da antiga Estrada de Ferro Sorocabana (EFS), foram vendidos pela Rede Ferroviária Federal S/A (RFFSA) à Vale, para que esta os recuperasse para o trem de passageiros entre Belo Horizonte (MG) a Vitória (ES), onde circularam até 2014, quando a frota da companhia foi renovada.

Na ida, o transporte entre a estação Presidente Altino, em Osasco, e Sorocaba, até Minas Gerais deu-se por via ferroviária, pelas empresas Ferroban e Ferrovia Centro-Atlântica / Estrada de Ferro Vitória a Minas (FCA/EFVM). Além da doação do material rodante, a Vale está patrocinando o transporte dos bens por via rodoviária até Sorocaba.

De acordo com o presidente da associação, Eric Mantuan, a parceria e iniciativa são inéditas na preservação ferroviária e são resultado de negociações iniciadas em 2017.

Os vagões Mafersa série 800 foram comprados em 1964 pela EFS e serviram ao trem de longo percurso que operou na região até 2001, quando foram arrematados em leilão e levados para a linha entre Belo Horizonte e Vitória. (Felipe Shikama)