fbpx
Sorocaba e Região

Urbes contabiliza o uso de calçadas estendidas no Centro de Sorocaba

Relatório do sistema de contagem demonstra que, em três dias, 2.203 pessoas utilizaram o novo espaço
Urbes contabiliza o uso de calçadas estendidas no Centro
Faixas verdes estão instaladas na região central. Crédito da Foto: Emídio Marques (19/2/2019)

O projeto de intervenção das calçadas no Centro de Sorocaba segue com a avaliação de técnicos da Urbes sobre a utilização da área pintada de verde na rua da Penha, faixa que foi estendida aos pedestres, além de contagem realizada por meio de pesquisa junto aos usuários, e também por um sistema automático de contabilização, instalado no local.

Desta forma, um relatório parcial do sistema de contagem demonstra que, em três dias, 2.203 pessoas utilizaram o novo espaço. O número total de pessoas que passou pelo trecho entre a calçada e ampliação neste mesmo período foi de 9.630.

Leia mais  Verde na rua da Penha

 

Equipes da Educação para o Trânsito da Urbes também realizam pesquisas no local, em dias e horários alternados, para analisar a satisfação de quem utiliza o espaço. Alguns dos dados colhidos revelam que 70,6% gostaria que fosse permanente e 55,9% gostou do novo desenho da rua. Outra informação obtida em pesquisa reforça a importância do projeto, 60% das pessoas que circulam a pé pelo Centro chegaram até o local de transporte coletivo.

“Esse número norteia nosso projeto e demonstra para que público estamos desenvolvendo a ação. É natural que no início as pessoas fiquem tímidas de andar pela via, mas isso deve ocorrer naturalmente após as pinturas. Além disso, no caso da obra permanente, os desníveis serão eliminados. Dar prioridade ao pedestre traz mais ganhos do que a proibição de estacionamento de veículos. Tenho certeza que aqui em Sorocaba o projeto será um sucesso como nos locais que já realizamos”, conta Danielle Hoppe, do Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento, parceira da Prefeitura na ação.

A ação segue até o dia 23 de março e faz parte do Programa de Alargamento das calçadas, baseado no Plano Municipal de Mobilidade. As premissas do Programa de Alargamento de Calçadas consistem em desenvolver proteção, diversidade, versatilidade, atratividade, conectividade, resiliência e sustentabilidade.

Juntos, eles corroboram direta e indiretamente para a melhoria do espaço público, ambiental e econômica do espaço urbano. Estes critérios estão implícitos nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU e mudam o conceito hierárquico da mobilidade, colocando o pedestre na posição mais importante das prioridades.

O Projeto de Intervenção Temporária é realizado também em conjunto com as secretarias municipais da Conservação, Serviços Públicos e Obra (Serpo); Planejamento e Projeto (Seplan); Meio Ambiente, Parques e Jardins (Sema); Cultura (Secult) e Esportes e Lazer (Semes). (Secom Sorocaba)

Comentários