Covid-19 Sorocaba e Região

Sorocaba registra mais 7 óbitos por Covid

Sorocaba registra mais 7 óbitos por CovidSorocaba registrou sete novas mortes por coronavírus ontem (16). A cidade também registrou 288 novos casos e 188 recuperados. O município manteve a taxa de ocupação acima de 80% nos leitos de UTI da rede pública de saúde. As informações são da Secretaria de Saúde de Sorocaba (SES).

Os novos óbitos ocorreram entre 8 e 16 de fevereiro, Foram quatro homens e três mulheres. As vítimas tinham entre 57 e 94 anos. Todas tinham fator de risco para o novo coronavírus, sendo que a maior parte era formada por cardiopatas e diabéticos. Três mortes foram registradas na rede privada de saúde e quatro na rede pública, sendo uma delas em uma unidade de urgência e emergência. Das sete mortes, uma ocorreu na cidade de São Paulo, em 11 de fevereiro.

Com isso, os óbitos com a confirmação da doença em Sorocaba aumentaram para 717. Segundo a SES, a taxa de letalidade no município é de 2,08%, leve aumento com relação aos dias anteriores. A Secretaria afirma que esse índice está abaixo da taxa estadual, que é de 2,9% e da nacional, que se encontra em 2,4%. Há ainda, conforme os dados, cinco óbitos em investigação.

Leia mais  Operação da PF investiga fraude em aquisição de testes para covid-19

A cidade também recebeu a notificação de mais 288 casos confirmados da Covid-19, chegando a 34.447. Com 188 novos recuperados, o número foi a 33.338. O total de pessoas em recuperação — isolamento domiciliar — era de 342 ontem. O número de descartados por resultados negativos da doença aumentou para 85.251. Ainda pelos números, 478 aguardam o resultado de exames.

Nas unidades de saúde de Sorocaba, 124 pessoas estavam internadas em UTIs Covid, sendo uma delas criança. Esse número se refere ao global de pacientes. Com relação ao número de internados residente na cidade, o número era de 62. Na rede pública, as unidades mantiveram ocupação acima de 80%. A Santa Casa tinha 44 dos 55 leitos de UTIs em uso — 80% de ocupação. Essa taxa era de 83,33% do Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS). Na unidade, dos 30 leitos de UTI, 25 estavam com pacientes. A situação mais grave era no Adib Jatene, que tinha taxa de ocupação de 95%, com 19 dos 20 leitos utilizados. (Marcel Scinocca)

Comentários