Repórter Cidadão

Gambá

O bicho aninha-se tranquilamente sobre um dos mourões da grade
Foto: Antonio Geremias

O gambá aninha-se tranquilamente sobre um dos mourões da grade, dentro do terreno do Cruzeiro do Sul. Presença constante, ele não se amedronta com a presença de pessoas próximas. Em áreas verdes preservadas dentro de aglomerados urbanos é cada vez maior a presença de animais silvestres, como esquilos, gambás, lagartos, e até raposas, para não falarmos das aves. Com comida disponível, e sem serem perturbados por predadores, eles prosseguem em suas vidas, deslocados do habitat natural, mas sobrevivendo.

Comentários