Sorocaba e Região

Potencial do Aeroporto de Sorocaba atrai investimentos

Número de operações ultrapassa Congonhas, com destaque aos jatos executivos
Potencial do Aeroporto de Sorocaba atrai investimentos
Local é o único no mundo a ter a presença própria das três maiores fabricantes de aviação executiva. Crédito da foto: Fábio Rogério

De cada dois jatos executivos hangarados no Estado de São Paulo, um também opera em Sorocaba. Com isso, 125 estão na cidade com alguma frequência. Os dados do Instituto Brasileiro de Aviação (IBA) impressionam. No caso do Brasil, a cidade concentra 16% de todas as operações dos 762 jatos executivos registrados no país. Outro número importante é que 20% das aeronaves de longa distância do Brasil estão baseadas em Sorocaba. E tem mais. Segundo a Associação dos Concessionários de Empresas Aeronáuticas, Intervenientes e Usuários do Aeroporto de Sorocaba (ASOS), o local é o único do mundo que possui presença própria das três maiores fabricantes de aviação executiva: Gulfstream, Dassault, e Embraer, as gigantes americana, francesa e brasileira, consecutivamente.

Em 2017, o Aeroporto de Sorocaba registrou 52.348 operações de pousos e decolagens. O número é tão expressivo que ultrapassa o movimento registrado no aeroporto de Congonhas, na Capital, que registrou pouco mais de 39 mil operações no ano passado. E isso não é tudo. Todos os dias, ao menos um avião estrangeiro registra operação em Sorocaba. Em 2017, foram 432 aeronaves que realizaram algum tipo de procedimento.

Leia mais  Jornalista Flávio Guimarães será sepultado em Sorocaba nesta segunda (13)

Tudo isso faz do Aeroporto de Sorocaba uma verdadeira joia. Localizado na zona norte da cidade, é um patrimônio bilionário que deixa ao município no privilegiado patamar de maior polo do Brasil e segundo do mundo quando se trata de manutenção de aeronaves executivas, incluindo os mais modernos jatos do mundo. Os motivos são muitos para que a cidade apresentasse esses números e potencial. Entre eles, o custo de operação abaixo do padrão da capital, São Paulo. Outro fator importante diz respeito às condições climáticas, tão favoráveis que raramente o aeroporto fecha para pousos e decolagens — segundo os operadores, de três a quatro vezes por ano. A possibilidade de funcionamento 24 horas por dia é outro atrativo do empreendimento.

Com relação às ordens de serviços geradas no Aeroporto de Sorocaba, foram 5.150 somente no ano passado. Desse total, 1.350 foram para jatos executivos, enquanto que 3.800 foram para aeronaves turboélices. O valor agregado no Aeroporto de Sorocaba, segundo o IBA, passa de R$ 3,6 bilhões, considerando as aeronaves hangaradas – R$ 3,3 bilhões – e os investimentos – estimados em pouco mais de R$ 300 milhões.

Leia mais  Idoso de 69 anos morre atropelado na Raposo Tavares, em Araçoiaba

Esse movimento todo não está somente relacionado ao espaço aéreo de Sorocaba e aos hangares milionários. Eles estão ligados intimamente com a economia da cidade. Começa com os empregos, hoje aproximadamente 1.200 — somente os diretos. Há ainda toda a atividade financeira gerada em outras áreas do setor de serviços, incluindo restaurantes e hotéis. Há também uma fatia generosa que vem em forma de recolhimento de ICMS. Para se ter ideia, a estimativa é de que mais de R$ 240 milhões em ordens de serviços foram abertas em 2017. Desse montante, uma parte, não informada pela Prefeitura de Sorocaba, foi agrupada aos cofres públicos municipais. É dinheiro, que bem usado, ajuda a melhorar, por exemplo, a saúde e a educação da cidade.

Comentários