Sorocaba e Região

Pedestres temem que cabos encostados em passarela deem choque

CPFL analisou fotos feitas por usuários e afirma que se tratam de cabos de telefonia, os de eletricidade estão isolados
Cabos aéreos encostam na passarela na rodovia e preocupam usuários. Crédito da foto: Divulgação

Uma série de cabos aéreos está se sobrepondo na passarela existente na entrada do bairro Jardim Tatiana, no trecho duplicado da rodovia João Leme dos Santos (SP-264), que liga Sorocaba a Salto de Pirapora. Essa situação vem preocupando os usuários que todos os dias passam pela estrutura para cruzar a rodovia.

Leitores fizeram imagens do problema e enviaram à redação do jornal Cruzeiro do Sul. A CPFL foi contatada e informou que, pelas fotos, a fiação que está encostada na passarela realmente é de rede de telefonia. Diz a nota que os cabos coloridos são de energia elétrica e como são isolados não oferecem riscos de choque elétrico, mas, de qualquer forma, não podem mesmo ficar tão próximos da passarela.

Atendendo ao pedido dos usuários e também respondendo prontamente à demanda apresentada pela reportagem do jornal Cruzeiro do Sul, a CPFL informou que uma equipe esteve no local por volta das 23h desta sexta-feira (21) e confirmou que os cabos de energia elétrica não estão oferecendo risco, pois são isolados. A nota da concessionária informa que será programada a remoção da rede dela para afastamento da passarela.

Os outros cabos que se aproximam da passarela são da rede de telefonia.

Vale lembrar que a passarela foi construída naquele trecho a pedido de moradores do bairro Jardim Tatiana pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), porém, a estrutura acabou alcançando a instalação aérea das redes de telefonia e energia elétrica que já existia no local.

Leia mais  Ciclista morre após ser atropelado por dois veículos em rodovia de Tatuí

 

dação)

Comentários