Buscar no Cruzeiro

Buscar

Acervo

Operação da GCM e PM autua 108 veículos e fiscaliza 13 pontos alvos de denúncias

28 de Fevereiro de 2021

Ocorrências recebidas, com pedido de averiguação, apontavam aglomerações no Parque do Campolim, em uma praça na Vila Helena e em frente a uma escola no Jardim São Guilherme. Crédito da foto: Secom/Sorocaba.

A Guarda Civil Municipal (GCM) e a Polícia Militar (PM) realizaram mais uma operação integrada neste fim de semana em Sorocaba, para coibir “pancadões” e aglomerações em estabelecimentos comerciais e locais públicos.

As ações ocorreram entre 20h do sábado (27) e 4h deste domingo (28). No total, 108 veículos foram autuados, cinco recolhidos e 13 locais foram averiguados a partir de denúncias, sendo que eram estabelecimentos que não cumpriam as regras do Plano São Paulo e acabaram fechados.

As ações mobilizaram 20 GCMs, em nove viaturas e 18 PMs, em cinco viaturas e seis motos. Ainda, atuaram dois agentes do setor de Fiscalização de Posturas da Prefeitura e dois da Vigilância Sanitária (Visa) Municipal.

A operação contra “pancadões” ocorreu em áreas públicas no Jardim Paineiras, Parque Vitória Régia, Vila Helena e Conjunto Ana Paula Eleutério (Habiteto). Ao todo, 50 pessoas foram abordadas e aquelas nas ruas ainda receberam orientação sobre a necessidade de evitar aglomerações e de se prevenir contra a Covid-19.

Oito estabelecimentos comerciais foram fiscalizados pelos agentes da Visa e da Fiscalização da Prefeitura, em seis bairros. Dois deles na região do Éden, um em Aparecidinha e outro no Jardim Faculdade tiveram que encerrar as atividades, pois operavam sem alvará de funcionamento ou causando poluição sonora. Nos quatro outros pontos visitados, no Jardim dos Estados, Jardim Leocádia, Vila Leão e de novo no Éden, os estabelecimentos já estavam fechados.

Averiguações

Além da participação na operação integrada, durante o último plantão noturno, a GCM atendeu cinco ocorrências para averiguação de aglomerações, também decorrentes de denúncias feitas por munícipes, via fone 153.

Uma delas, no Jardim América, resultou no encerramento das atividades de um estabelecimento onde havia cerca de 120 pessoas, por volta das 22h40 de sábado. Enquanto os GCMs aguardavam a dispersão do público, um motorista bateu o carro na viatura da corporação, durante manobra de ré. Como o condutor apresentava sinais de embriaguez, foi conduzido à Delegacia de Polícia Participativa (DPP) da Zona Norte e autuado pelo delegado de plantão.

Outro estabelecimento, desta vez no Jardim Maria do Carmo, também teve que encerrar as atividades na noite de sábado, pois não deveria estar funcionando naquele horário. No local, havia sete pessoas, que foram orientadas a deixar aquele estabelecimento.

As três outras ocorrências recebidas, com pedido de averiguação, apontavam aglomerações no Parque do Campolim, em uma praça na Vila Helena e em frente a uma escola no Jardim São Guilherme. No momento em que os guardas chegaram a esses pontos, não houve constatação de irregularidades.

A Guarda Civil Municipal ainda realizou patrulhamento preventivo em 31 pontos da cidade, entre unidades do Sabe Tudo, postos de saúde, praças e escolas, dentre outros. Além do fone 153, o cidadão também pode utilizar o 190, da PM, para colaborar enviando informações que auxiliem no trabalho das autoridades, tornando as ações mais ágeis e efetivas. (Da Redação, com informações da Secom/Sorocaba)