Sorocaba e Região

Operação atende denúncias de aglomeração e 13 estabelecimentos têm atividades encerradas

No total, 63 autos de infração de trânsito também foram registrados, além de cinco veículos recolhidos
A GCM também realizou patrulhamento preventivo em próprios e áreas públicas. Crédito da foto: Secom/Sorocaba.

Em mais uma operação integrada entre a Guarda Civil Municipal (GCM), a Polícia Militar (PM), fiscais de Posturas, da Prefeitura de Sorocaba, e da Vigilância Sanitária, foi possível evitar aglomerações e coibir festas clandestinas, de acordo com as diretrizes do Plano São Paulo de enfrentamento à Covid-19.

A ação, iniciada na noite de sábado (13) até a madrugada deste domingo (14), resultou em 13 estabelecimentos com suas atividades encerradas por irregularidades, 63 autos de infração de trânsito e cinco veículos recolhidos, sendo um produto de roubo.

As ações aconteceram nos bairros Vila Helena; Paineiras; Vitória Régia; Habiteto; Vila Terron; Éden; Santa Cecília; Wanel Ville V; Vila Progresso; Vila Senger; Cerrado e Cruz de Ferro.

Participaram da operação integrada 17 guardas civis em sete viaturas e 20 policiais militares em sete viaturas e seis motos. Dois fiscais de Posturas e dois da Vigilância Sanitária também participaram, cada equipe em um veículo.

GCM faz patrulhamento

A GCM também realizou patrulhamento preventivo em próprios e áreas públicas, com rondas no perímetro de unidades escolares e de saúde, entre outros.

Leia mais  Operação integrada coíbe pancadões e autua 78 veículos nesta sexta

A população pode colaborar com os trabalhos da GCM e da PM, transmitindo informações sobre movimentações suspeitas ou aglomerações. O contato da população com as autoridades pode ser feito pelo telefone 153, no caso da GCM, ou 190, da PM. (Da Redação, com informações da Secom/Sorocaba)

Comentários