Buscar no Cruzeiro

Buscar

Pandemia

Cidade tem 10 unidades de saúde lotadas por pacientes Covid

A cidade registrou nesta terça-feira (25) 13 mortes e 345 novos casos foram confirmados, além de 209 recuperados

26 de Maio de 2021 às 01:54
Marcel Scinocca [email protected]
Boletim epidemiológico de Sorocaba atualiza a situação da pandemia na cidade
Boletim epidemiológico de Sorocaba atualiza a situação da pandemia na cidade (Crédito: Divulgação)

Das 14 unidades de saúde de Sorocaba com leitos de estabilização e de UTI Covid, 10 estavam com 100% de ocupação nesta terça-feira (25), o pior cenário em termos de porcentual desde 27 de março. Ainda nesta terça, a cidade registrou 13 mortes e 345 novos casos foram confirmados, além de 209 recuperados.

Conforme o boletim epidemiológico da Prefeitura de Sorocaba, AME (estadual), Santa Casa, CET São Guilherme, Zona Norte, Zona Oeste e Éden, além do contratado Amhemed, estavam com todos os leitos de UTI ocupados. Para a rede privada, a situação atingia os três maiores hospitais da cidade, sendo Samaritano, Evangélico e Unimed. Cinco unidades de saúde também estavam com 100% de ocupação nos leitos de enfermaria.

Os dados levam em consideração pacientes de outras cidades que estão sendo atendidos em Sorocaba, incluindo a rede privada e a pública estadual. Com relação somente a pacientes que residem em Sorocaba, 383 estavam internados em unidades de enfermaria e de UTI da cidade. Trata-se do mesmo número de segunda-feira (24), sendo um dos piores dos últimos 47 dias.

A cidade também registrou mais 13 mortes na data, elevando o total a 1.854. Chama a atenção entre os números que 11 das vítimas morreram em unidades de urgência e emergência de Sorocaba. Os pacientes tinham entre 40 e 75 anos, dois deles sem comorbidades. As mortes ocorreram entre 19 e 25 de maio.

Com os novos registros, o total de recuperados em Sorocaba foi a 56.625. Os casos confirmados com a doença passaram de 59.030 para 59.375. O total de pessoas em recuperação (isolamento domiciliar) era de 653. Ao menos 121.601 exames deram negativos e 241 aguardavam resultado. (Marcel Scinocca)