Sorocaba e Região

Mulher que jogou feto no rio é detida em Piedade

A mulher informou que estava com cinco ou seis meses de gestação e não sabe quem seria o pai
A mulher foi até a base da polícia rodoviária registrar uma queixa de ameaça. Crédito da foto: Divulgação/PM

A Polícia Militar Rodoviária identificou, neste domingo (17), a mulher de 39 anos que abandonou um bebê em um rio, no bairro Sarapuí dos Torres, em Piedade.

Segundo da PM, a mulher chegou até a base no final da tarde de domingo, acompanhada de outras duas pessoas. Ela teria ido até o local porque estaria sofrendo ameaças no bairro Miguel Russo, onde reside.

Em uma conversa por telefone, a mulher contou o motivo pelo qual era ameaçada. A polícia, então, a identificou como responsável pela morte do bebê encontrado em um rio na última quinta-feira (14).

De acordo com os policiais, a mulher informou que estava com cinco ou seis meses de gestação e não sabe quem seria o pai. Na tarde de quarta-feira, ela tomou medicamento abortivo e, cerca de quatro horas depois, sofreu o aborto.

A mulher teria seguido, sozinha, até o bairro vizinho, Sarapuí dos Torres, e jogou o bebê da ponte já sem vida.

Leia mais  Aumento de casos de dengue preocupa a RMS

Ela foi encaminhada à Delegacia de Polícia de Piedade, onde foi detida e depois liberada. Se condenada, pode responder pelo crime de infanticídio. A detenção pode ocorrer de dois a seis anos de prisão. (Da Redação)

Comentários
Assuntos