Informação Livre Sorocaba e Região

Mais de dois mil microempreendedores são formalizados em Sorocaba

Se comparada a de municípios que possuem entre 600 mil e 1 milhão de habitantes, Sorocaba chega ao 2º lugar de ranking
Mais de dois mil microempreendedores são formalizados em Sorocaba
Crédito da foto: Secom Sorocaba/ Arquivo

Sorocaba formalizou 2.104 microempreendedores individuais (MEIs) no primeiro bimestre de 2020 e atingiu o 5º lugar do ranking geral de atendimento de todo o Estado de São Paulo, ficando atrás apenas de São Paulo, Guarulhos, Campinas e Ribeirão Preto.

Essa posição se eleva, ainda mais, se comparada a de municípios que possuem entre 600 mil e 1 milhão de habitantes, chegando ao 2º lugar.

Os dados foram divulgados pelo Espaço Empreendedor, unidade administrada pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo (Sedettur).

Acesso a videoaulas

Metade dos alunos cadastrados nas escolas da rede estadual de ensino — mais de 1,67 milhão de estudantes — não acessou a plataforma para acompanhar os conteúdos de aulas a distância, implantados pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, ao longo de 10 meses da pandemia.

A dotação orçamentária destinada pelo Estado, entre abril e dezembro do ano passado, alcançou o montante de R$ 93.729.695,58 e teve como propósito abranger as 5.430 escolas de ensino fundamental e médio da rede pública paulista.

Leia mais  Transporte coletivo operou dentro da normalidade na quinta-feira, diz Urbes

Os dados têm sido monitorados pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) desde o dia 27 de abril de 2020, quando a medida foi implantada pela Secretaria da Educação para estabelecer o retorno das aulas na modalidade virtual.

A plataforma virtual do programa “Ensino a Distância”, criada para atender 3.325.007 alunos matriculados, é acessível por meio de aplicativo em smartphones e computadores, e também tem seu conteúdo reproduzido pela televisão, nos canais TV Educação e TV Univesp.

Sem interação

Até 31 de janeiro de 2021, segundo dados colhidos pelo Tribunal de Contas junto à pasta da Educação, um total de 1.672.413 alunos (50,3%) não realizou qualquer tipo de interação com a plataforma disponibilizada para videoaulas.

O restante, 1.652.594 estudantes, teve acesso ao conteúdo por tablets, celulares, computadores e TVs. Os números de visualizações às videoaulas se deram principalmente nos primeiros três meses de implantação.

Leia mais  Estado de São Paulo volta para a fase vermelha; Veja as regras

Em abril de 2020, foram 852.627 registros. Em maio, o sistema apontou 503.812 acessos para, em junho, alcançar 166.017 novos usuários.

No segundo semestre do ano — entre julho e dezembro — houve 130.138 cadastramentos, o que representa uma média de 21,6 mil novos acessos por mês.

Praça da Juventude

A Câmara de Sorocaba aprovou requerimento cobrando informações sobre o andamento das obras da praça da Juventude, no Central Parque.

As obras se iniciaram em 26 de junho de 2019, e teriam sua conclusão prevista para 23 de junho de 2020, contudo estão paradas.

Sorocaba foi contemplada pelo governo federal com o projeto de construção da praça da Juventude, por meio de emenda parlamentar no valor de R$ 2.106.000,00 para sua realização.

A praça chegou até ter inauguração das obras com então prefeito José Crespo e presença de dezenas de autoridades, mas não foi concluída.

Leia mais  Acidente entre duas viaturas deixa um PM ferido em Itu

A empresa responsável pela construção fez o trabalho de limpeza e terraplanagem do local, mas não deu a devida continuidade às obras, que preveem itens como ginásio poliesportivo, áreas para atletismo, campo de futebol, pista de skate e teatro de arena.

Comentários