Sorocaba e Região

Mãe é acusada de tentar matar filha jogando carrinho de bebê em avenida

Ela foi presa em Iperó acusada de tentativa de homicídio; criança foi entregue à avó
Avenida George Oetterer, em Iperó. Crédito: Reprodução / Google Street View

Uma mulher foi presa acusada de tentar matar a filha de sete meses arremessando o carrinho de bebê em que a criança estava em uma avenida. O crime ocorreu por volta das 18h deste domingo (20), no bairro George Oetterer, em Iperó.

Conforme o boletim de ocorrência, a mãe teria sido vista empurrando o carrinho com a filha em direção aos veículos que transitavam na avenida George Oetterer.

A Polícia Militar foi acionada e encontrou a mulher com a criança nos braços. Segundo a PM, a acusada estava alterada.

Leia mais  Caso Vitória Gabrielly: júri popular condena acusado a 34 anos de prisão

 

A criança foi retirada da mãe e os policiais revistaram uma sacola que estava com ela. Na sacola foram encontrados 12 pinos de cocaína e uma faca de cozinha.

Ainda de acordo com a ocorrência, a suspeita teria contado aos policiais que pretendia matar a criança atropelada e, caso não conseguisse, a esfaquearia.

Ela teria contado aos policiais que já havia perdido a guarda de seus outros dois filhos, que atualmente moram com os avós. A acusada afirmou que cometeria o crime para evitar que a menina de sete meses também fosse levada.

A criança foi entregue aos cuidados da avó materna. A acusada foi detida e indicada por tentativa de homicídio e posse de drogas. Ela passaria por audiência de custódia nesta segunda-feira (21).

O caso foi registrado na Delegacia de Defesa da Mulher de Sorocaba.

Comentários