fbpx
Informação Livre

Jaqueline se apresenta

TV Jornal Cruzeiro do Sul traz entrevistas com as pessoas envolvidas em duas comissões processantes em trâmite no Legislativo
Jaqueline se apresenta
Crédito da foto: Ednilson Jodar Lopes

Na última semana e meia, o Cruzeiro do Sul tem ouvido os diversos atores que fazem parte da ações de impedimento contra o prefeito de Sorocaba e sua vice-prefeita. Assim o leitor pode assistir às entrevistas no portal do Jornal que começam com a secretária jurídica da Câmara Municipal, Márcia Pegorelli Antunes, que explica, de forma bem técnica, qual é o devido procedimento das comissões processantes e quais são os passos a seguir. Dias depois, foi ouvido o presidente da Câmara, vereador Fernando Dini (MDB), o natural ocupante da Prefeitura caso os vereadores optem pela cassação dos dois ocupantes do Executivo. Dini faz observações sobre a presente situação política e de atendimento à população, visando já à cadeira de prefeito. O leitor também pode assistir no portal do jornal Cruzeiro do Sul. A partir desta quarta-feira (19), o leitor pode ouvir a vice-prefeita, Jaqueline Coutinho, que narra seu lado da história, em entrevista com o Editor-Chefe, acessando o portal de notícias do Cruzeiro do Sul ou pelo QRCode a seguir.

Leia mais  Três pessoas são presas por tráfico de drogas em Sorocaba

Ainda a vice

O condomínio onde reside a vice-prefeita de Sorocaba, Jaqueline Coutinho (PTB) se manifestou ontem sobre notícia veiculada na mesma data pelo Cruzeiro do Sul, em que traz documentos apresentados pela vice sobre o acesso ao local. “Diante das novas manifestações da vice prefeita, esta administração esclarece que não há falhas no sistema” e que “não recebeu as alegações apresentadas por ela”.

Deselegância na Câmara

O clima ficou tenso na Câmara de Sorocaba na sessão ordinária de ontem. Tudo por conta do desabafo do vereador Hélio Brasileiro (MDB), em virtude do comportamento do vereador Rodrigo Manga (DEM) durante audiência pública promovida por Brasileiro na sexta-feira (14). Na ocasião, em muitos momentos Manga elevou o tom de voz, falou em hipocrisia e chegou a relatar cerceamento de sua fala. A situação rendeu mais de 20 minutos de tribuna ao vereador do MDB, além de um pedido de desculpa do vereador do DEM. No discurso, Brasileiro tachou Manga de deselegante.

Notificação para Votorantim

O Tribunal de Contas do Estado notificou a Prefeitura de Votorantim para que tome ciência do relatório da fiscalização referente à 4ª Fiscalização Ordenada 2019 sobre Merenda Escolar e para adoção de eventuais medidas saneadoras. “Cumpre registrar que a matéria constará de item específico quando da análise por este Tribunal das contas relativas à competência de 2019, ocasião em que o interessado poderá apresentar defesa e demonstrar a regularização de eventuais falhas”, diz o despacho publicado no último dia 15. O documento, direcionado ao prefeito Fernando de Oliveira Souza (DEM), é assinado pelo conselheiro Edgard Camargo Rodrigues.

Leia mais  Prefeita pede gestão de deputados para cidade receber vacinas

Araçoiaba, opção de feriado

O governo de São Paulo listou e publicou em seu site oficial dez cidades para visitar no feriado de Corpus Christi e a primeira entre as citadas é Araçoiaba da Serra, na Região de Sorocaba. Segundo avaliação do governo, são opções para todos os gostos. “A chegada de um feriado prolongado é sempre uma boa chance de se programar para conhecer novos lugares. Além disso, muitas vezes os destinos estão mais próximos do que imaginamos.” Entre outras cidades citadas como opções também estão Campos do Jordão, Serra Negra, Santos, Santo Antônio do Pinhal e São Bento do Sapucaí.

Campanha em Itapetininga

Itapetininga começa uma nova etapa da Campanha “Esmola Não, Cidadania Sim”, uma iniciativa da Prefeitura por meio da Secretaria de Promoção Social. A campanha será nos dias 26 e 27 deste mês, com ações de panfletagem e paradas em pontos da cidade considerados estratégicos. Segundo a prefeita Simone Marquetto, a campanha quer alertar a população de Itapetininga quanto aos prejuízos decorrentes da prática de dar esmolas e também conscientizar para o possível crescimento do número de pessoas em situação de rua, que se mantêm nestas condições graças à arrecadação obtidas por meio de esmolas.

Comentários