Informação Livre

Cruzeiro libera acesso às notícias no portal

Cruzeiro libera acesso às notícias no portal
Crédito da foto: Reprodução

O Cruzeiro do Sul liberou o acesso gratuito dos conteúdos no portal www.jornalcruzeiro.com.br para não assinantes, em função da pandemia de coronavírus. O objetivo do jornal, e de outros veículos que tomaram em conjunto a mesma medida, é combater a onda de fake news relacionadas à doença.

Há muita notícias falsas em redes sociais, o que motivou os veículos sérios a adotarem essa liberação dos conteúdos, especialmente sobre coronavírus, para bem informar os leitores.

Igrejas

O decreto assinado pela prefeita Jaqueline Coutinho, publicado ontem, obriga as lideranças religiosas de todas as crenças a adotarem as medidas de precaução no combate ao coronavírus, atendendo às recomendações das autoridades sanitárias e demais atos normativos do Poder Público de âmbito Federal, Estadual e Municipal. Entretanto, em outro trecho, faculta a tomada de medida. “Devendo as mesmas avaliarem a possibilidade de suspensão de missas, cultos e demais atividades religiosas com presença de público.”

Leia mais  Sorocaba segue o decreto de quarentena do Estado

Leitos

Durante coletiva de imprensa sobre o coronavírus, ontem, na Prefeitura de Sorocaba, que contou com parte do secretariado, Ademir Watanabe (Saúde) falou novamente sobre leitos para atender os possíveis pacientes de coronavírus. Conforme ele, não dá para prever quando a capacidade de leito será atingida na cidade. “Tudo vai depender de quantas pessoas serão positivadas”, diz. Mais uma vez, ele defendeu o isolamento domiciliar. “Evitem ficar andando na cidade.”

Orçamento

O secretário Marcelo Regalado, titular da Fazenda, afirmou que a saúde financeira de Sorocaba está bem neste momento. Ele também disse que não descarta a possibilidade de fechamento de empresas. Algumas medidas poderão ser tomadas para dar fôlego para as empresas, envolvendo a dívida ativa.

Flexibilizar trabalho

Uma portaria assinada pela prefeita estabelece medidas de caráter temporário visando reduzir exposição pessoal e interações presenciais entre servidores municipais da administração direta, indireta, autárquica e fundacional incluindo o replanejamento de rotinas e procedimentos de trabalho, como forma de prevenção aos problemas causados pelo Covid-19. Com a medida, fica autorizada a flexibilização de horário de trabalho. Os servidores lotados nas unidades que terão as atividades suspensas deverão cumprir sua jornada em serviços internos, ou poderão ser realocados em outras unidades.

Comentários