Informação Livre

Arrecadação com ISS de pedágios ajuda prefeitos a investirem nas cidades

Sorocaba recebeu R$ 3,521 milhões ante R$ 3,780 milhões no mesmo período do ano passado
Arrecadação com ISS de pedágios ajuda prefeitos a investirem nas cidades
Crédito da foto: Vinícius Fonseca / Arquivo JCS (31/10/2020)

De janeiro a setembro deste ano, mais de R$ 364 milhões provenientes do Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISS) arrecadados em pedágios de rodovias paulistas concedidas foram repassados a 283 prefeituras, informou a Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp).

O repasse é feito proporcionalmente à extensão das rodovias sob concessão que atravessam o município. A verba pode ser utilizada nas áreas em que o município considerar prioridade, seja saúde, segurança, educação, transporte ou infraestrutura, por exemplo, o que contribui no orçamento das cidades, sobretudo as menores.

Sorocaba recebeu R$ 3,521 milhões ante R$ 3,780 milhões no mesmo período do ano passado. Itu teve a maior arrecadação com esse imposto entre municípios da Região Metropolitana de Sorocaba (RMS), com R$ 9,714 milhões ante R$ 10,863 milhões.

Leia mais  Sem aula e sem merenda

Região de Itapeva

Passados seis anos, algumas secretarias estaduais, órgãos e empresas não consideram a região administrativa de Itapeva, criada em 2014, a partir do desmembramento da região administrativa de Sorocaba. Com isso, a região de Sorocaba passou a ter 47 municípios em vez de 79.

A região de Itapeva é formada por 32. Apesar de a mudança ter sido aprovada pelo governo estadual há alguns anos, dados estatísticos ainda são baseados na região administrativa antiga de Sorocaba, prejudicando desta maneira o entendimento sobre áreas de abrangência e até mesmo sobre as informações que são divulgadas.

Longe dos consultórios

Pesquisa realizada pela Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) mostra que 55% dos homens acima de 40 anos deixaram de fazer alguma consulta ou tratamento médico em função da Covid-19. Com a pandemia em curso, 57% desse grupo acima dos 40 anos afirmaram ter percebido um impacto negativo na saúde, incluindo 9% que consideravam que a sua saúde estaria pior do que antes. Sobre o impacto do novo coronavírus na vida de uma forma geral, 88% desses homens relataram terem sido afetados, sendo que 37% disseram ter afetado muito. A pesquisa on-line abrangeu 22 Estados da federação e teve 499 participantes.

Vacina e homofobia

Um engenheiro, morador de cidade na região de Ribeirão Preto, foi denunciado pelo crime de racismo após divulgar na internet áudio afirmando que a vacina contra o novo coronavírus causaria modificações genéticas, levando à homossexualidade e transexualidade.

Leia mais  Rodovia com asfalto deteriorado

De acordo com relato do promotor de Justiça William Daniel Inácio, ele é dono de um canal no YouTube com mais de 170 mil inscritos. Na página, o homem se apresenta, dentre outras qualificações, como cientista e professor universitário.

Testes rápidos

Em seis meses, as farmácias brasileiras ultrapassassem a marca de 1 milhão de testes rápidos da Covid-19, apontou levantamento da Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma), divulgado ontem. Os dados referem-se ao período de 28 de abril a 1º de novembro, totalizando 188 dias. Neste intervalo, 2.162 estabelecimentos registraram 1.039.294 testagens, o que equivale a uma média de 5.528 atendimentos diários, de acordo com a associação.

Comentários