Buscar no Cruzeiro

Buscar

Informação Livre

Golfe faz ajuda em cestas básicas

19 de Dezembro de 2021 às 00:01
(Crédito: DIVULGAÇÃO)

Criado para auxiliar famílias atingidas pela pandemia, o torneio Golfe Solidário UniãoBR foi promovido pela Confederação Brasileira de Golfe em parceria com a Federação Paulista e mais 113 clubes de golfe do Brasil. O Lago Azul Golfe Clube foi o que mais arrecadou entre os participantes, com R$ 65 mil, equivalente a 1.083 cestas básicas, que foram distribuídas pela Real Cestas, uma das patrocinadoras. O projeto teve a parceria do movimento Social UniãoBR, de Gabriella Marques. Na quarta (15), foi feita a entrega simbólica das cestas às quatro entidades beneficiadas, três de Araçoiaba da Serra (Apae, Adra - Núcleo Vovó Josefina e Lar Vicentino) e uma de Sorocaba (Sementes da Luz).

Corredor agropecuário

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) anunciou a criação de um Corredor de Inovação do Estado de São Paulo, que pretende gerar cooperação entre unidades de pesquisa, empresas, startups e universidades em Campinas, Jaguariúna, Piracicaba, São Carlos e Ribeirão Preto. Segundo o Radar AgTech, o eixo equivale a uma população de mais de 3 milhões de habitantes, conta com 112 instituições de ensino e pesquisa, onde cerca de mil profissionais finalizam a graduação em cursos agropecuários todos os anos, 52 ambientes de inovação e 168 startups de inovação nos setores do agronegócio.

Turismo das Capelas

A prefeitura de Monte Alto apresentou o novo design para a Rota das Capelas. O evento, criado em 2015 pelo ciclista Reginaldo Bergamin, tem um percurso de 90 quilômetros a uma altura estimada de 1.844 metros e passa por 13 capelas, além de mostrar paisagens com serras belíssimas e os vales locais.

Transplantados renais

O deputado estadual Danilo Balas (PSL) protocolou na Assembleia Legislativa requerimento que solicita ao secretário da Saúde, Jean Gorinchteyn, esclarecimentos a respeito de políticas públicas aplicadas a transplantados renais no estado de São Paulo. Entre os questionamentos enviados pelo parlamentar constam quais os programas e os convênios ativos para atendimento de pessoas que realizaram transplantes renais e se há algo específico para aqueles acometidos pelo coronavírus, além das urgências comuns. Ele perguntou também quais estudos e critérios o Governo do Estado utilizou para determinar ações e protocolos relativos ao atendimento de saúde dos transplantados renais em atendimentos gerais, em casos de urgência e em decorrência de contaminação da Covid-19. Por fim, Balas relatou que tem recebido denúncias de transplantados renais sobre desamparo no atendimento, seja o paciente contaminado pelo coronavírus ou não. Segundo dados apresentados, o Brasil é o segundo país no mundo em realização anual de transplantes renais, tendo realizado, em média, seis mil cirurgias do tipo ao ano. “Os transplantados renais demandam especial atenção das políticas públicas de saúde, seja pelo elevado número de pessoas submetidas a essa cirurgia, seja pelas peculiaridades do complexo e permanente tratamento envolvido”, diz Balas.

Dados da Fundação Oswaldo Ramos ressaltam que, no caso do novo coronavírus, pesquisas mostram que o vírus é fatal para uma em cada quatro pessoas transplantadas.