Sorocaba e Região

Incêndio atinge prédio de antiga administração da Fepasa em Sorocaba

De acordo com o Corpo de Bombeiros, ninguém ficou ferido e não foi possível de imediato identificar as causas do incêndio
Bombeiros voltaram ao local por volta das 11h. Crédito da foto: Emídio Marques/Jornal Cruzeiro do Sul (27/04/19)

 

Atualizada às 18h23

 

Um incêndio atingiu, na madrugada deste sábado (27) , o prédio onde funcionava um antigo setor administrativo da Ferrovia Paulista S.A. (Fepasa), ao lado da escola Matheus Maylasky. De acordo com o Corpo de Bombeiros, ninguém ficou ferido e não foi possível de imediato identificar as causas do incêndio.

A ocorrência foi registrada por volta das 5h e o incêndio foi apagado ainda no início da manhã, mas a corporação foi chamada novamente por volta das 11h devido a chamas pequenas detectadas no forro restante. Parte do teto desabou durante a madrugada.

De acordo com moradores do entorno, o edifício que atualmente estaria sob concessão do Instituto Federal de São Paulo (IFSP) estava abandonado, sem vigilância, mas era ocupado por pessoas em situação de rua durante a madrugada. Os moradores relatam que as janelas de vidro já haviam sido retiradas pela administração há aproximadamente dois anos. Contudo, ainda havia teto e forro de madeira no local, que foram atingidos pelo fogo.

Leia mais  Vítima de acidente em Sorocaba é levada por helicóptero para hospital de SP

 

A área faz parte do Complexo Ferroviário de Sorocaba, tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo (Condephaat), em decreto publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo de 27 de fevereiro de 2018.

O diretor do Câmpus Sorocaba do IFSP, professor Denílson de Camargo Mirim, afirmou em nota que o incêndio é “um triste acontecimento para nós que temos lutado e desejamos que nossa escola ocupe aquele espaço. Esperamos que este acontecimento possa, de alguma forma, sensibilizar a sociedade e ao poder público a nos ajudar a por em prática o projeto de transformar este espaço em um espaço de excelência de ensino, que é a marca registrada da rede Federal por todo Brasil.”.

Comentários