Sorocaba e Região

Gastos com doença superam reservas da Prefeitura de Sorocaba

Isso ocorre porque, atualmente, conforme o Portal da Transparência, há reserva de R$ 28.621.089,98 para a pandemia
Gastos com doença superam reservas
Fachada da Prefeitura de Sorocaba. Crédito da foto: Emídio Marques

Com os mais de R$ 3 milhões empenhados para leitos da Santa Casa de Misericórdia pactuados a pacientes com suspeita e confirmações do novo coronavírus (Covid-19), na segunda-feira (29), a Prefeitura de Sorocaba voltou a apresentar déficit no valor reservado para o enfrentamento da pandemia.

Isso ocorre porque, atualmente, conforme o Portal da Transparência, há reserva de R$ 28.621.089,98 para a pandemia. Entretanto, as previsões de contratações já somam R$ 28.728.896,99. Com isso, há uma diferença de R$ 107.807,01. Esse déficit não era registrado desde o início de junho, quando o município passou a contar com R$ 4,2 milhões que foram enviados pelo Governo Federal para enfrentamento da pandemia.

A Prefeitura de Sorocaba justificou a situação recentemente. “Os valores identificados na receita referem-se aos recursos recebidos pelos governos estadual e federal que possuem destinação específica para o combate ao coronavírus. Já os valores identificados nas despesas referem-se a todos os gastos realizados em combate ao coronavírus, que englobam recursos não só dos valores recebidos para esta finalidade, mas também de outras receitas disponíveis no orçamento que estão sendo aplicadas para o enfrentamento da pandemia”, afirmou o Executivo.

Leia mais  Pelé recebe primeira dose da vacina contra a Covid-19

O valor efetivamente pago aumentou de R$ 12.931.854,31 para R$ 13.143.322,79 — mais de R$ 200 mil entre a segunda-feira (29) e nesta terça-feira (30). Atualmente, são 172 fornecedores previstos para 246 empenhos. A reportagem consultou o Portal da Transparência da Prefeitura de Sorocaba às 20h12. (Da Redação)

Comentários