Sorocaba e Região

Fase laranja traz alívio ao comércio em Sorocaba

Lojas, shoppings e serviços voltaram a abrir ontem em Sorocaba e região, mas com regras
Lojas do centro de Sorocaba abriram por oito horas e registraram bom movimento. Limite de ocupação é de 40% da capacidade. Crédito da foto: Pedro Henrique Negrão

Com a volta de Sorocaba e região para a fase laranja do Plano São Paulo, praticamente todos os tipos de comércios, serviços e shoppings voltaram a reabrir nesta segunda-feira (1º) na cidade. Pela manhã, o movimento foi normal no comércio do Centro de Sorocaba, com lojas funcionando de acordo com as regras da fase laranja, ou seja, oito horas por dia, nos dias úteis, e com 40% da capacidade. Na avaliação da Associação Comercial de Sorocaba (Acso), a reabertura do comércio foi um “alívio” para o setor.

Segundo a Acso, o setor do comércio e serviços de Sorocaba ainda está tentando se recuperar dos efeitos da pandemia. “Infelizmente, o cenário econômico não é igual ao que era em 2020. Consideramos que a recente evolução da pandemia é motivo de preocupação, mas que novas medidas para reduzir seu impacto devem levar em conta que o setor comercial não pode ser responsabilizado por essa situação. Ressaltamos a importância de não relaxar nos cuidados com a saúde”, informa a entidade.

Para o presidente da Acso, Sérgio Reze, a reabertura é um alívio para o setor do comércio e serviços da cidade. Ele afirma que, segundo o relatório Focus do Banco Central, a economia brasileira deve crescer neste ano. “O PIB, soma de tudo o que é produzido durante um ano no país, deve aumentar em 3,9%, o que comparado à queda de 4,5% em 2020, é muito promissor. Este indicador destaca que a indústria deve crescer 4% e o setor de serviços, também 4%. Estes números são significativos, principalmente para nossa cidade, que tem nestes setores a máquina impulsionadora da economia”, lembra.

Leia mais  Comércio e indústria avaliam restrições da fase vermelha

Restrições

Na fase laranja podem funcionar praticamente todos os tipos de comércios e serviços, por até oito horas por dia, nos dias úteis, com atendimento presencial limitado a 40% da capacidade e encerramento até às 20h. Os shoppings de Sorocaba e região também voltaram a reabrir nesta segunda, com funcionamento das lojas das 12h às 20h.

Podem abrir academias, salões de beleza, restaurantes, cinemas, teatros, shoppings e praças de alimentação, concessionárias, escritórios, eventos, convenções, atividades culturais e parques estaduais, entre outros. O consumo local em bares está totalmente proibido, mas eles podem atender por sistema drive-thru ou delivery. A venda de bebidas alcoólicas no comércio varejista só pode ocorrer entre 6h e 20h.

Vale ressaltar que a fase vermelha do Plano São Paulo, a mais restritiva, ainda está em vigor em todo o Estado, em todos os dias da semana, de 20h até às 6h, inclusive no próximo fim de semana, dias 6 e 7 de fevereiro.

Na fase vermelha só é permitido o funcionamento normal de serviços como farmácias, mercados, padarias, lojas de conveniência, bancas de jornal, postos de combustíveis, lavanderias, oficinas mecânicas, hotelaria e demais comércios e serviços considerados essenciais. Já comércios e serviços não essenciais só podem atender em esquema de retirada na porta, drive-thru e entregas por telefone ou aplicativos.

Leia mais  Uniten abre inscrições para cursos gratuitos de capacitação técnica

Todos os protocolos sanitários e de segurança para os setores econômicos continuam valendo e devem ser seguidos, como uso de máscara, álcool em gel, distanciamento social e evitar aglomeração, entre outros.

Estado poderá suspender restrições

O governador João Doria (PSDB) anunciou ontem que, caso se confirme tendência de queda dos índices epidemiológicos da Covid-19 no Estado, na quarta-feira (3) o governo estadual deverá anunciar medidas de suspensão das restrições impostas pelo Plano São Paulo, de quarentena heterogênea, relativas ao horário de funcionamento do comércio, shoppings, bares e restaurantes, inclusive aos finais de semana.

Segundo dados da Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade), o Estado registra variação semanal — comparação entre os sete últimos dias e os sete anteriores — positiva de novos casos (5,2%), e negativa em óbitos (-1,6%) e em internações (-7,9%).

Entretanto Doria ressaltou que “é fundamental que a população, os empresários, os empreendedores, a opinião pública e a própria imprensa sigam a orientação e nos ajudem na vigilância para conquistarmos esse tempo sem colocar em risco a vida de pessoas no Estado”.

Leia mais  Sorocaba vacina idosos de 79 anos ou mais nesta terça-feira (2) com agendamento on-line

Na última sexta-feira (29), a Prefeitura de Sorocaba havia informado que até esta quarta-feira a Comissão Especial da Região Metropolitana de Sorocaba deverá se reunir com o governo estadual para formatar uma nova proposta de revisão do fechamento do comércio aos fins de semana. (Ana Cláudia Martins)

Comentários