Covid-19 Sorocaba e Região

Diminui número de internados em UTI Covid

Os casos confirmados com a doença passaram de 26.958 para 27.381 na cidade, com os novos registros

O número de pessoas de Sorocaba, internadas em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e em enfermaria, em função da pandemia do novo coronavírus, apresentou leve recuo ontem (7). A cidade registrou 423 novos casos confirmados e três mortes em função da Covid-19.

As informações são acompanhadas diariamente pelo Cruzeiro do Sul, com base nos dados divulgadas pela Prefeitura de Sorocaba. O número caiu de 160, registrado na quarta-feira (6), para 151. Foram cinco pacientes a menos em leitos de enfermaria e quatro a menos em UTI. Ainda conforme os dados, o número de pessoas com confirmação da doença caiu de 92 para 89. Já a quantidade de pacientes suspeitos caiu de 68 para 62.

Essa redução aparece no censo diário de leitos Covid. Três unidades de saúde deixaram de ter ocupação 100% em UTI, sendo Evangélico, Adib Jatene e o Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS). No caso da rede pública, Sorocaba tinha apenas um leito de UTI vago na quarta-feira, aumentando para quatro na quinta. Já na rede privada, o número de leitos de UTI Covid livre aumentou de quatro para seis.

Leia mais  Votorantim confirma mais 59 casos de Covid-19

Os casos confirmados com a doença passaram de 26.958 para 27.381 na cidade, com os novos registros. A cidade também registrou aumento nos recuperados da Covid-19, ontem (7) chegando ao total de 26.336. A cidade apresentou queda do número de pessoas com suspeita de contaminação pelo coronavírus, de 754 para 371 e que aguardam os resultados dos testes. O número de descartados por resultados negativos da doença aumentou para 73.257.

Os óbitos com a confirmação da doença aumentaram para 585. As vítimas confirmadas ontem tinham entre 52 e 88 anos, todos com comorbidades. Os óbitos ocorreram entre 5 e 7 de janeiro, sendo dois em hospitais públicos e um em hospital particular. A cidade tem dois óbitos em investigação. A taxa de letalidade no município é de 2,13%, abaixo da taxa estadual, que é de 3,2% e da nacional, de 2,5%. (Marcel Scinocca)

Comentários