Sorocaba e Região

Detran leiloa veículos apreendidos em Sorocaba, Porto Feliz e Piedade

Os lances já estão abertos e podem ser realizados até as 10h de sexta-feira (15)
Detran leiloa veículos apreendidos em Sorocaba, Porto Feliz e Piedade

Ao todo, serão leiloados 448 veículos. Crédito da foto: Agência Brasil/ Arquivo

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) leiloa, nesta sexta-feira (15), 448 veículos apreendidos por infrações de trânsito em Sorocaba, Porto Feliz e Piedade. Os lances já estão abertos no site www.sumareleiloes.com.br e podem ser feitos até as 10h de sexta-feira (15). Do total, 51 veículos têm direito a documentação e podem voltar a circular. O restante será destinado a reciclagem e desmanches credenciados.

Apenas pessoas maiores de 18 anos podem fazer lances, e só podem ser adquiridos os veículos com direito a documentação. O pagamento deve ser feito à vista. Após o arremate, os débitos são baixados e é necessário que o comprador efetue a transferência do veículo para o seu nome, emitindo um novo documento para o carro.  No entanto, se o valor da venda não for suficiente para cobrir as dívidas, o antigo proprietário continuará responsável por quitá-las.

As fotos dos veículos estão disponíveis no site do leiloeiro. O número de lotes a serem leiloados está sujeito a alterações, pois os proprietários podem regularizar a situação de seus veículos e retirá-los do pátio antes da realização do evento.

Leia mais  Agentes de trânsito flagram 285 infrações por mês com as câmeras em Sorocaba

 

Visita ao pátio

Os veículos estarão disponíveis para visitação nos pátios até as 16h30 desta quinta-feira (14) e até as 10h de sexta. Os endereços em Sorocaba ficam na rua Ângelo Vial, 67, no Jardim Helena Cristina, e na estrada Ferroviário João de Oliveira, 100, no bairro Ipanema das Pedras. Os pátios em Piedade ficam na rua Capitão Moraes, 511, no Cotianos, e na rua Élcio Gomes de Abreu, no bairro dos Pintos. Já o pátio em Porto Feliz está localizado na rua Cantídio de Oliveira, 84, na Vila Progresso.  

 

Comentários