Sorocaba e Região

Crianças se vestem de super-heróis e dispersam sementes em parque de Sorocaba

Ação foi em comemoração ao Dia do Cerrado, celebrado nesta quarta-feira (11), no Parque da Água Vermelha
Crianças se vestem de super-heróis e ajudam a dispersar sementes no Parque da Água Vermelha
As crianças confeccionaram bolas de semente de árvores do Cerrado e arremessaram no próprio parque. Crédito da foto: Prefeitura de Sorocaba/Mariana Campos

Usando capas e máscaras de Batman e Batgirl, as crianças do Clubinho do Refúgio participaram de uma ação especial. A ação foi em comemoração ao Dia do Cerrado, celebrado nesta quarta-feira (11), no Parque da Água Vermelha “João Câncio Pereira”. Elas confeccionaram bolas de semente de árvores do Cerrado e arremessaram no parque, simulando o papel de muitas aves e morcegos frugívoros na dispersão de sementes.

O objetivo da ação foi sensibilizar os pequenos, ensinando a um pouco mais sobre o bioma do qual Sorocaba faz parte e a importância da conservação da fauna e da flora. A bola de sementes é feita de argila e sementes de árvores. Com a chuva, a argila é dissolvida e a semente vai brotar e crescer, contribuindo com a arborização.

A ação foi realizada pela Secretaria do Meio Ambiente, Parques e Jardins (Sema). A atividade também fez parte da programação em comemoração ao Dia da Árvore, comemorado em 21 de setembro. O Dia do Cerrado faz parte do calendário oficial de eventos da cidade alusivos ao meio ambiente.

O Clubinho do Refúgio é formado por crianças de 4 a 10 anos de idade que participam da Associação Nova Geração, localizada no bairro Refúgio. Elas se reúnem durante todo o ano, às terças-feiras, no Parque da Água Vermelha, localizado na rua România, 150, no Jardim Europa. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail parquedaaguavermelha@sorocaba.sp.gov.br ou pelo telefone (15) 3221.6643.

Leia mais  Placa dá 'puxão de orelha' em donos de cachorros em parque de Sorocaba

 

Sobre o Cerrado

Sorocaba está localizada numa área de encontro da floresta de Cerrado com a da Mata Atlântica. Esta situação especial possibilita uma grande biodiversidade de espécies na cidade.

Atualmente podemos encontrar pequenos fragmentos de Cerrado em alguns bairros da cidade, como Éden, Cajuru e Aparecidinha. No entanto, a memória da existência desta floresta se manifesta de outras formas em nossa cidade, por meio do nome de bairros, como Cerrado, Seriema, Jardim Ipê, ou de ruas, com Alamedas dos Ipês, Manacás, entre outras.

Já no Brasil o Cerrado está presente em Goiás, Tocantins, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Bahia, Maranhão, Piauí, Rondônia, Paraná, São Paulo, Distrito Federal, Amapá, Roraima e Amazonas, com uma rica biodiversidade, porém está extremamente ameaçado devido à destruição das florestas e o uso indiscriminado do solo com pecuária extensiva, mineração, monocultura intensiva para exportação e queimadas criminosas. (Da Redação, com informações da Secom)

Comentários

CLASSICRUZEIRO