Sorocaba e Região

Comunidade católica arrecada 26 toneladas de alimentos para doação

Os organizadores compraram os alimentos de fornecedores e com o apoio de voluntários estão montando as cestas
Comunidade católica arrecada 26 toneladas de alimentos para doação
Organizadores compraram mantimentos e montam as cestas com o apoio de voluntários. Crédito da foto: Divulgação

O Conselho de Leigos da Arquidiocese de Sorocaba, formado por lideranças das paróquias, arrecadou 26 toneladas de alimentos para serem entregues às famílias carentes e às pessoas desempregadas.

De acordo com o jornalista e publicitário Vanderlei Testa, assessor de comunicação da entidade, a ação social teve como ponto de partida um pedido de três famílias a um dos membros do Conselho de Leigos no dia 12 de abril.

Com o aval de dom Julio Endi Akamine, arcebispo metropolitano, o grupo fez um levantamento do valor médio de uma cesta de alimentos, orçada em R$ 60. A iniciativa tomou corpo a partir de um contato com um empresário e sua família, gerando de início a doação de 300 cestas. Com todos os membros do Conselho mobilizados no pedindo doações, a lista de famílias atendidas cresceu a ponto de chegar na meta de 500 cestas inicialmente estabelecida.

Leia mais  Mesmo com pandemia, torcedores se aglomeram em partida da Copa Monções em Sorocaba

Segundo Testa, a procura pelas pastorais sociais de Sorocaba e cidades integrantes de 59 paróquias acendeu nova chama de entusiasmo aos membros do Conselho de Leigos, que dobraram a meta inicial. Em uma semana, o grupo já contabiliza 1.300 cestas a serem doadas, em um total de 26 toneladas de alimentos.

Os organizadores compraram os alimentos de fornecedores e com o apoio de voluntários estão montando as cestas. Até amanhã, segundo os conselheiros, mais 900 cestas devem estar completas. Quem quiser pode colaborar com a campanha doando R$ 60 para cada cesta, pode entrar em contato com Vanderlei Testa pelo número (15) 99782-7561.

Ações solidárias

A ação do Conselho de Leigos da Arquidiocese de Sorocaba se soma a dezenas de iniciativas solidárias, de diferentes grupos, entidades e empresas, voltadas à segurança alimentar e auxílio às famílias carentes, com situação de vulnerabilidade social agravada neste momento de pandemia.

Nesta terça-feira (21), o jornal Cruzeiro do Sul mostrou que o Lar Escola Monteiro Lobato, mesmo com as atividades presenciais suspensas por causa da pandemia do coronavírus, está mantendo o atendimento a 150 crianças, de 6 e 12 anos, do Projeto Renovar, com a distribuição semanal de cestas de alimento personalizadas — de acordo com o perfil das famílias — e atividades remotas voltadas ao desenvolvimento pessoal e social.

Leia mais  Crespo está inelegível por oito anos, diz TRE

Por falha técnica, as fotos publicadas na matéria são de outra ação solidária: a doação de kits de higiene e limpeza a entidades de Sorocaba que assistem a idosos feita pelas Lojas Americanas. Desde o início da pandemia, em março, a Americanas já doou mais de R$ 45 milhões para auxiliar na saúde e logística de diversos estados do país, incluindo recursos para compra de EPIs e respiradores para hospitais públicos. (Da Redação)

Comentários