Buscar no Cruzeiro

Buscar

Comitê ‘econômico’ da pandemia será extinto em Sorocaba

17 de Abril de 2021 às 00:01
Marcel Scinocca [email protected]

Comitê ‘econômico’ da pandemia será extinto Crédito da foto: UFOP

O Comitê de Enfrentamento do Coronavírus de Sorocaba, com funções econômicas, está inativo e será extinto. Permanecerá o comitê com funções de prevenção e combate à pandemia. A informação foi confirmada pela Prefeitura de Sorocaba nesta sexta-feira (16). Ambos foram criados em 2020, sendo que o que tem função de prevenção passou por reformulação na atual gestão.

De acordo com a Prefeitura de Sorocaba, o comitê que será extinto, era técnico e interno, criado no início da pandemia. “Perdeu sua função e está inativo há mais de seis meses”. Esse comitê foi criado em 2020, durante a gestão da ex-prefeita Jaqueline Coutinho (PSL). Sua principal função era avaliar medidas econômicas e financeiras que deveriam ser adotadas ao longo da pandemia. Seu trabalho focava em ações integradas de várias secretarias, incluindo a de Administração, Jurídica, Governo e Fazenda. Naquele momento, a cidade já enfrentava a iminência de frustração de receitas pela Paço. Sua função era equilibrar o orçamento.

Já o segundo nasceu com funções mais amplas. Conforme o decreto que o criou, em março de 2020, logo no início da pandemia, o Comitê de Avaliação e Combate ao Coronavírus tem por finalidade planejar, coordenar e implementar, a nível municipal, as ações de prevenção e combate ao coronavírus em todas as secretarias da Prefeitura de Sorocaba. Ou seja, atuando com as pastas, tem perfil quase deliberativo.

Ele é composto por membros da Secretaria de Saúde, incluindo o titular da pasta, Vinicius Rodrigues. A composição ainda conta um membro da Câmara de Sorocaba e outras sete secretarias municipais. A sociedade civil também participa, com um membro do Conselho Municipal de Saúde (CMS), Associação Comercial de Sorocaba (Acso) e de seis unidades de saúde que atuam no enfrentamento do novo coronavírus.

A Prefeitura de Sorocaba nega inatividade desse comitê. O Comitê de Avaliação e Combate ao Coronavirus, “criado pelo Decreto Municipal 25658/2020, foi atualizado em janeiro de 2021 pelo prefeito Rodrigo Manga (Republicanos), incluindo como participantes a Associação Comercial de Sorocaba, o Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), a Câmara Municipal e o Conselho Municipal de Saúde, que não participavam antes”, afirma o Executivo.

“Este comitê encontra-se ativo, com reuniões quinzenais. Todas as reuniões possuem registro em atas. As decisões se referem às medidas a serem adotadas no âmbito municipal ante à pandemia, debatendo sobre o cenário epidemiológico, a atuação dos hospitais no município e, inclusive, o impacto econômico nos setores do comércio e indústria da cidade”, garante.

Em ambos os trabalhos, ou seja, dos dois comitês, não há qualquer tipo de remuneração. (Marcel Scinocca)