Sorocaba e Região

Começa nesta quarta (13) cadastramento de idosos acamados

Responsável deve ir presencialmente a uma UBS com toda a documentação. Medida é para otimizar vacinação
São consideradas idosos acamados quem tem mais de 60 anos e necessitem de cuidados de saúde dentro de sua residência. Crédito da foto: Agência UEL de Notícias

Com o objetivo de intensificar os preparativos da campanha de vacinação contra a Covid-19, a Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Saúde (SES), inicia hoje (13) o cadastramento de idosos acamados, que deverá ser feito pessoalmente em uma das 32 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) por um membro da família ou cuidador do paciente. A previsão é que a vacinação dos idosos inicie no dia 8 de fevereiro.

Para o cadastramento, um responsável por ele precisa formalizar o pedido na UBS, fornecendo o nome, endereço completo e telefone do paciente. O cuidador ou familiar precisará estar munido do seu documento pessoal no ato da solicitação. Já, aqueles pacientes que são atendidos pelo SAD (Serviço de Atendimento Domiciliar) ou Médico da Família, e que estão veiculados às ações de Estratégia de Saúde da Família (ESF) da SES, serão imunizados durante a campanha pelas equipes desse programa, não necessitando de cadastro.

Leia mais  Urbes amplia demanda de passageiros em 20 linhas de ônibus

São consideradas idosos acamados quem tem mais de 60 anos e necessitem de cuidados de saúde dentro de sua residência, pela impossibilidade de se deslocarem à UBS. O horário e endereço das UBSs pode ser consultado pelo www.servicos.sorocaba.sp.gov.br.

Plano Municipal

No dia 1º de janeiro, o prefeito Rodrigo Manga assinou o Decreto nº 26.046/21, que determina a criação da Comissão Municipal para estudos do Plano de Operacionalização de Vacinação contra a Covid-19. Seguindo a determinação, a Prefeitura iniciou os preparativos para que a campanha de vacinação ocorra da melhor forma. No dia 7 de janeiro, a Comissão Municipal de Vacinação, composta por membros das secretarias de Governo, Saúde, Educação, Cidadania, Fazenda e Urbes, se reuniu para ajustar a organização da campanha. A reunião ocorreu no auditório da Vigilância em Saúde.

Na ocasião, a SES apresentou estratégias que possam ser adotadas, dependendo do número de doses que serão enviadas à cidade. A intenção é que a vacinação ocorra nas UBSs e ainda tenha um ponto de drive-thru, além da vacinação de acamados. A previsão é que a vacinação inicie no dia 25 de janeiro, assim que as doses chegarem. Para a primeira fase, a estimativa é que sejam necessárias 105 mil doses da vacina. Aproximadamente, 500 servidores estarão envolvidos nos trabalhos de imunização.

Leia mais  Fórum de Sorocaba continua no escuro

A estratégia só será definida e divulgada quando as doses chegarem a Sorocaba. Já estão planejadas várias estratégias que serão seguidas, de acordo com o número de doses. Dependendo do quantitativo, haverá ajuste na logística. O município possui mais de um milhão de seringas e 600 mil agulhas, que estão reservadas para essa campanha. Também há um estudo de uma estratégia para que os profissionais da educação possam ser inseridos no público-alvo prioritário da campanha. (Da Redação, com informações da Secom Sorocaba)

Comentários