Sorocaba e Região

Coleta de lixo irregular incomoda moradores em Votorantim

Metade da frota dos caminhões usados para o serviço está em manutenção
Coleta irregular faz com que o lixo se acumule na frente das casas. Crédito da foto: Luiz Setti (16/1/2020)

A coleta de resíduos gerados por residências e comércios de Votorantim segue alterada em vários bairros da cidade. O problema tem gerado acúmulo de lixo e dor de cabeça para os moradores. Metade dos caminhões que efetuam os trabalhos, segundo o Executivo, está quebrada.

A cozinheira Carlinda Cardoso, do bairro Green Valley, conta que mora no local há 12 anos e o problema sempre ocorre, geralmente no final do ano. “Está acumulando. Acontece desde o final do ano, quando deu essa descontrolada. Está incomodando”, afirma. Ela conta que teve dias em que precisou recolher o lixo de volta para sua residência. A dona de casa Tereza Paulino de Moraes também reclama da situação. “Está passando sábado sim e sábado não”, conta.

“Não é a primeira vez. Na semana passada teve isso também”, relata Flavio Araújo. “Passou na terça, mas era para ter passado na segunda”, acrescenta. Serrano e Vila Garcia também foram bairros que registram o problema.

A reportagem também recebeu relatos de problemas no aterro sanitário da cidade, inclusive relacionado a retirada de chorume — líquido que contém alta carga poluidora e é proveniente de matérias orgânicas em putrefação.

O Cruzeiro do Sul ainda recebeu informações de que a coleta de resíduos na cidade estava sendo feita fora dos padrões convencionais. Em vez dos caminhões com sistema de compactação de resíduos, veículos com caçamba estavam fazendo a coleta. Segundo os moradores, entre os efeitos está a redução do volume, a possibilidade de transbordamento e eventuais dificuldade para os operadores.

Votorantim produz diariamente 100 toneladas de lixo. Crédito da foto: Luiz Setti (16/1/2020)

Problemas mecânicos

A Prefeitura de Votorantim confirmou o atraso e justificou. Segundo a Secretaria de Serviços Públicos (Sesp), a coleta “de lixo ocorre com atraso devido a problemas mecânicos em alguns caminhões”. “Até o momento a coleta está sendo realizada com três veículos e outros três estão em manutenção” justifica. A previsão, segundo o Executivo de Votorantim, é de que até o dia 20 todo o serviço esteja normalizado.

Votorantim produz diariamente 100 toneladas de lixo. Nesta semana a Sesp anunciou que em alguns bairros a coleta está ocorrendo no período da noite. “Com isso haverá mais tempo para a manutenção dos veículos”, alega.

Quanto ao aterro sanitário, a Prefeitura de Votorantim afirmou que o trabalho segue normalmente e o lixo vem sendo devidamente depositado na célula. A Prefeitura não comentou sobre a substituição dos veículos.

Comentários