Buscar no Cruzeiro

Buscar

Cidades da região de Sorocaba têm índice de isolamento abaixo de 40%

17 de Março de 2021 às 12:27
Jomar Bellini [email protected]

Sorocaba registra índice de isolamento de 38%. Crédito da Foto: Divulgação / Secom

Três cidades da Região Metropolitana de Sorocaba (RMS) registraram índice de isolamento abaixo de 40%, segundo o sistema de Monitoramento Inteligente do Governo de São Paulo (SIMI-SP). No Estado, a média foi de 43%, nível considerado não satisfatório para Centro de Contingência ao Coronavírus.

Os índices foram registrados na segunda-feira (15) e são os últimos disponíveis no sistema do governo. O ideal, segundo o Centro de Contingência, é que o número seja superior a 55%. O SIMI-SP faz o monitoramento com em base dados georreferenciados fornecidos por empresas de telefonia, respeitando a proteção de dados.

Das 141 cidades avaliadas, 11 estão na RMS. Os municípios com menor índice de isolamento na região são Salto e Itu, com 37%. Sorocaba tem 38%. Os números colocam as cidades entre os 20 piores índices do Estado. As três aparecem em vermelho no painel virtual do SIMI-SP.

Cidades da região de Sorocaba têm índice de isolamento abaixo de 40%. Crédito da Foto: Reprodução

As demais cidades da região aparecem em laranja no mapa, já que estão entre 40% e 50% na taxa de isolamento. Outras duas cidades da região que estão abaixo da média estadual são Votorantim (40%), Tatuí (41%) e Itapetininga (42%). Os números são similares ao registrado na capital paulista, que teve 42%.

Os outros municípios da RMS aparecem na sequência: Porto Feliz (43%), São Roque (43%), Boituva (44%) e Ibiúna (46%). Piedade, com 47%, é a cidade com maior isolamento na região de Sorocaba e também a única que aparece na lista com os melhores índices do Estado, figurando em 20º lugar.

Na comparação com o dia anterior (domingo - 14), todas as cidades da Região Metropolitana de Sorocaba registraram queda na taxa de isolamento.

Apenas cinco municípios registraram números maiores que 55%: São Sebastião (55%), São José do Rio Pardo (55%), Batatais (56%), Mococa (57%) e São Joaquim da Barra (64%). A população dessas cidades não ultrapassa 60 mil habitantes. (Jomar Bellini)